Fundos de Previdência: Chegamos ao Japão (Carteira Z)

0
101
fundos de previdência

Fundos de Previdência: Chegamos ao Japão (Carteira Z)

Recentemente recebemos uma dúvida de um investidor, que reside no Japão, questionando acerca de fundos de previdência e dividendos.

Antes de apresentarmos a pergunta dele, queremos convidá-lo a dar um passo adiante rumo aos seus tão sonhados objetivos financeiros, sendo membro GOLD DICA DE HOJE, através do link.

Com certeza, será um excelente investimento para a sua vida financeira, uma vez que, após a leitura dos inúmeros relatórios, você poderá agregar conhecimento de modo a tomar decisões de forma mais segura.

Olá Rafael!

Através do GuiaInvest onde faço curso descobri você nos vídeos e acabei lendo seus posts.

E o interessante eu estava a ponto de fazer q portabilidade pro Lancer mas desisti e continuei no fundo verde.

Fiquei em dúvida se sigo com dividendos ou mudo pra fundos de investimentos .

Poderia me ajudar .

Sou do Japão .

Prazer conhecê-lo . Faz um ótimo trabalho .

Grande abraço!

 

Ficamos felizes em ter atravessado fronteiras tão longínquas.

Torcemos para que o Jaspion já esteja seguindo as Carteiras Z e esteja multiplicando seu capital com fundos de previdência.

 

Na foto abaixo, ele não esconde as armas que utiliza para compor seu portfólio:

fundos de previdência

Vemos que o nosso amigo já possui o fundo previdenciário Verde em seu portfólio, do famoso e competente gestor Luis Stuhlberger, e viu a possibilidade de migrar para o fundo SPX Lancer, o qual já foi comentado por nós nesse artigo.

 

Vemos abaixo um comparativo entre os fundos, ressaltando que os mesmos possuem estratégias distintas:

fundos de previdência

fundos de previdência

 

Ensinamos em nossos Relatórios da Carteira Z que somente rentabilidade passada não é indicativo da qualidade ou não de uma gestão de fundos previdenciários, mas pensamos, também, que esse referencial oferece alguns subsídios interessantes.

O período máximo que podemos analisar é de 19 de dezembro de 2017 até a presente data, devido ao curto histórico do fundo previdenciário da SPX, apesar de seu fundo pai ser antigo.

Vemos uma volatilidade de baixa a moderada no SPX, com 2,49% no período contra 4,52% do Fundo Verde. O índice sharpe mais alto do SPX se traduz em menos utilização de risco para uma maior rentabilidade.

Se pegarmos um histórico um pouco mais longo, de quase 3 anos, vemos que o fundo Verde produz um resultado satisfatório, apesar de pouco expressivo:

fundos de previdência

fundos de previdência

 

O fundo atua em diversos mercados como o de renda fixa, ações brasileiras e ações globais.

Vejamos qual a correlação de ambos com a bolsa brasileira:

fundos de previdência

Observe que o SPX possui correlação zero com o ibovespa e o Fundo Verde uma média correlação (0,58).

Talvez isso explique, em parte, a diferença de rentabilidade entre os fundos, visto que o ibovespa opera levemente negativo no ano (ao menos até o dia 04 de setembro de 2018).

O Fundo SPX ignora as oscilações da bolsa e segue firme a sua proposta de descorrelacionar dos demais fundos previdenciários e é um produto sofisticado com acesso quase integral aos mercados globais (até 10% do PL no exterior – com restrições de alavancagem).

Além disso, Utiliza de forma inteligente e eficiente derivativos e opções visando a otimização das restrições regulatórias.

Entre as vantagens de fundos de previdência está a questão da tributação:

Quem faz a declaração anual do imposto de renda no modelo completo, poderá abater da base de cálculo do imposto 12% da renda bruta anual tributável no PGBL.

Achamos interessante a possibilidade de o nosso amigo mesclar fundos de previdência com ações boas pagadoras de dividendos, como ensina Daniel Nigri. Inclusive, gostaria de aproveitar a oportunidade para destacar aqui as excelentes Carteiras de ações montadas pelo analista Daniel Nigri para quem visa receber bons dividendos. Para ter acesso a elas, clique aqui.

Recentemente surgiu o fundo de previdência BTG PACTUAL DISCOVERY, que é uma gestão que acompanhamos há algum tempo.

Iremos analisá-lo em nosso próximo relatório, no intuito de auxiliá-lo a refletir se é uma boa opção para sua carteira previdenciária.

Para se tornar membro Gold e ter acesso a essa análise e muitas outras acesse esse link.

Para conhecer a Carteira Z e ter direito a relatórios quinzenais, além de atualização periódica das Carteiras, clique aqui.

 

Abraços e bons investimentos.

RAFAEL ZATTAR