Analise de Amazon (AMZN)

0
45

Estamos aqui para mais um texto da série “Apresentando ações estrangeiras”.

Hoje vamos falar de uma Empresa que tem ganhado mercado aqui no Brasil e nas últimas semanas quase virou patrocinadora do Flamengo.

É isso mesmo, vamos falar da Amazon (AMZN) e conhecer mais sobre o universo da marca.

Antes de nos debruçarmos sobre a empresa, você sabia que o primeiro nome da Amazon foi Cadabra?

Era uma referência a “abracadabra”. No entanto, o primeiro advogado de Jeff Bezos, fundador da Amazon, disse que no telefone Cadabra parecia Cadáver e então Bezos trocou o nome algumas vezes até se decidir por Amazon.

E sabe por que Amazon?

Bezos queria que o nome começasse com “A”, pois as listagens de sites seguiam a ordem alfabética. Então, quando olhando no dicionário, ele viu a palavra Amazon, e a escolheu, já que era o nome do maior rio do mundo e ele queria transformar a Amazon na maior livraria do mundo. Conseguiu muito mais do que isso.

Segundo a própria companhia, a Amazon visa ser a empresa que mais valoriza o cliente no planeta. E para atingir esse objetivo, ela segue 4 princípios: foco no cliente, ao invés de ser nos concorrentes, paixão pela invenção, comprometimento com a excelência operacional e pensamento de longo prazo.

A companhia gera receita através do seu marketplace, da oferta de computação, armazenamento e banco de dados para desenvolvedores e empresas, por meio de criadores de conteúdos, como autores e editoras, e claro, com seus clientes fiéis, baseados no preço, na grande oferta de produtos de consumo e na agilidade dos serviços.

Os produtos de consumo são: livros, roupas, joias, produtos de saúde e beleza, itens para casa, escritório e carros, brinquedos, eletrônicos, produtos para animais, entre outros.

Os clientes podem acessar as ofertas através do site, do aplicativo, da Alexa (assistente virtual), por streaming ou nas lojas físicas.

Além dos produtos de consumo, a companhia também fabrica e vende dispositivos eletrônicos, incluindo o Kindle, Fire tablet, Fire TV, Echo e Ring. É oferecido também o Amazon Prime, programa que inclui frete grátis ilimitado em mais de 100 milhões de itens, acesso de streaming com milhares de filmes e séries e ainda outros benefícios.

A Amazon divide suas operações em 3 segmentos. São eles: América do Norte, Internacional e Amazon Web Services (AWS).

América do Norte

O segmento da América do Norte consiste principalmente na receita gerada com as vendas no varejo de produtos de consumo e assinaturas em lojas físicas e online na América do Norte.

Internacional

O segmento Internacional consiste principalmente na receita das vendas no varejo de produtos de consumo e assinaturas em lojas online com foco internacional.

AWS

O segmento da AWS é baseado nas vendas globais de computação, armazenamento, banco de dados e outras ofertas de serviços para startups, empresas, agências governamentais e instituições acadêmicas.

Abaixo podemos ver o desempenho de cada segmento nos 2 últimos anos:

Fonte: Amazon

Abaixo podemos ver as vendas separadas por grupo:

Fonte: Amazon

Note que Third-party seller services corresponde ao marketplace da companhia, subscription services às assinaturas do Amazon Prime e Other são as receitas adquiridas com publicidade.

Por último, seguem as vendas nos principais mercados da companhia:

Fonte: Amazon

Indo agora para a parte da concorrência, a Amazon compete com grandes e locais varejistas dos mercados em que atua. Além das varejistas, podemos incluir empresas de tecnologia da informação, de streaming (como Netflix), editores, fornecedores, distribuidores e fabricantes de produtos e serviços similares aos que a companhia oferece.

Vou dar dois exemplos de casos recentes que envolveram a empresa em relação aos seus concorrentes:

Quando foi lançado o Amazon Prime no Brasil, as ações da Magazine Luiza caíram bastante, refletindo o medo dos acionistas de perda de mercado para a Amazon.

Os usuários brasileiros podem ter frete grátis em diversos produtos da Amazon, mas mesmo assim, não é tão simples a concorrência com uma empresa que já conhece o mercado, com know-how e boa aceitação dos clientes.

No mercado brasileiro em particular, o varejo ainda é muito pulverizado, portanto, tem potencial para diversas empresas crescerem juntas, tomando espaço de companhias menores e aproveitando um possível maior crescimento do país como um todo nos próximos anos.

O outro exemplo é nos Estados Unidos, já que a Walgreens, famosa farmácia americana, a qual já apresentamos aqui no Dica de Hoje, está negociando suas ações com múltiplos baixos, explicado em grande parte pelo receio dos investidores ao possível ganho expressivo da Amazon no mercado de medicamentos.

No setor de farmácias, por exemplo, a diferenciação entre as marcas é muito baixa, pois não faz diferença você comprar o medicamento na loja X ou na loja Y, já que é o mesmo produto.

Por isso, a agilidade nas entregas, os baixos preços e a comodidade de comprar pela Amazon podem fazer com que os resultados de farmácias tradicionais caiam ao longo do tempo.

Como podemos observar, um dos grandes riscos presentes na Amazon é ela não conseguir crescer o tanto que se espera dela, já que suas ações são negociadas a múltiplos altos, já de olho em uma valorização expressiva no futuro.

Como cada mercado e país possui suas leis, costumes e empresas já estabelecidas, muitas vezes companhias estrangeiras não conseguem se adequar e acabam saindo do mercado.

De qualquer forma, a Amazon vem conseguindo espaço no Brasil e em outros países do mundo, como vimos na imagem dos seus principais mercados.

Mas isso não acontece da noite para o dia. Lembra-se dos 4 princípios?

O último princípio fala do pensamento de longo prazo e é nesse período que os investidores da Amazon têm que pensar.

Em breve, teremos análises completas da Amazon e de outras ações listadas no exterior.

Nossa carteira internacional será lançada em agosto. Não perca!

Abraços e bons investimentos,

Raphael Rocha.

Pra ter acesso as nossas carteiras de ações, FIIs, análises das empresas e aos relatórios, escolha um plano. (clique aqui  pra ver mais).

Já participa do nosso grupo do Telegram?

Videos, informações e novidades vem aí.

Link do grupo