Já são 2 anos, e eu quero mais

0
178

Já são 2 anos, e eu quero mais

Ao ler o título, você deve ter imaginado que o Dica de Hoje está fazendo aniversário de dois anos, não é verdade? Mas não tem nada a ver com isso. Nosso trabalho ainda como um canal no YouTube começou em 30 de Setembro de 2016. O tempo mostra que eu já comecei errando –clique aqui e reveja o meu primeiro vídeo no YouTube.

Mas, então o que está fazendo dois anos Daniel? Seria o site ou a Área de Membros Dica de Hoje? Não. Todos esses já têm 3 anos ou quase isso.

Antes de responder o que faz dois anos de aniversário no dia de hoje, eu gosto sempre de melhorar a cada dia que passa. Nada me traz mais satisfação do que ver uma análise minha antiga e perceber que hoje eu consigo penetrar de forma mais densa nos números das empresas e que eu enxergo pelos números coisas que antes eu não via.

Isso não quer dizer que eu vou acertar sempre, mas a minha margem de erro como analista se reduziu muito nestes últimos dois anos, por todo o aprendizado que eu mesmo tive e pelas novas questões que antes eu nem mesmo observava e que hoje são primordiais para mim.

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

Quantas pessoas passam pela nossa vida a cada dia? Inúmeras, não é verdade?

Pense no motorista do ônibus, aquela pessoa do seu lado ao atravessar uma rua, a pessoa da recepção ao fazer um exame. Certamente poucas delas terão um impacto grande na sua vida. Possivelmente você nem mesmo se lembrará do nome delas 10 minutos depois, ou conseguirá descrevê-las.

Comigo também é assim. Nestes 3 anos e meio de Dica de Hoje, milhares de pessoas passaram pela minha vida, seja mandando um e-mail, um WhatsApp, escrevendo um comentário no YouTube, realizando algum curso, participando de uma live ou qualquer outra coisa do gênero. Mas poucas foram tão especiais a ponto de terem inclusive me modificado.

Antes de prosseguir eu quero dizer que gosto de toda a minha equipe e que alguns outros me ensinaram e me ensinam coisas todos os dias. O Egbert com os Fiis; o Rafael Zattar, que me fez olhar para fundos de investimentos com outros olhos e não “demonizar” os gestores; o Bittencourt, com todo o seu conhecimento sobre Óleo e Gás;o Marcelo, que é incansável;a Débora, o Professor Mira, o Will que já fizemos curso juntos, o Heitor, a Beth, o Gabriel, o Raphael, o Marciel e por aí vai. Sim, a equipe cresceu muito e eu sou muito grato a todos eles.

Sabe quando você joga na loteria toda semana e você tenta ganhar um bilhete premiado e, claro, normalmente não consegue. Há dois anos, porém, eu encontrei o meu bilhete premiado do mundo corporativo, que tem nome e sobrenome: Patrícia Rossari.

Exatamente no dia 21/02/2018, a Patrícia estreava no nosso blog escrevendo esse artigo, clique aqui. Longe de ter sido o melhor artigo dela, mas foi aí que tudo começou. Daí para frente ela foi igual àquela flor que desabrocha, aquela árvore que vai crescendo as raízes e se mostra com muitos frutos, ou aquele jardim que é polinizado e que surge ao longo dos anos.

Nestes dois anos ela ministrou cursos comigo, Daniel Nigri, sempre sendo muito elogiada por alunos, se manteve escrevendo os artigos de toda segunda-feira aqui do site, escreveu o livro Saindo da Caixa, a primeira Temporada da Série 1+1 que está à venda na Amazon(clique aqui). E agora é corresponsável comigo pela Carteira Dica Beginner.

Mas, o que me faz ter todo esse carinho pela Patrícia não é o que ela faz no Dica de Hoje, mas sim como ela me modificou. Vamos a algumas mudanças que eu, Daniel Nigri passei a ter como profissional após a Patrícia:

  1. Meus objetivos no Dica de Hoje eram vagos e ficavam presos na minha cabeça. Agora eles estão no papel com metas a serem alcançadas.
  2. A minha análise era 90% quantitativa, baseada em indicadores. Hoje em dia posso dizer que ótimos indicadores em um negócio que não tem sustentabilidade não passam pelo meu crivo. Passei a adotar análise qualitativa.
  3. Os desperdícios nas empresas acontecem e, se a empresa gera lucro crescente mesmo com eles, eu não ligava. Depois da Patrícia, eu passei a dar importância a esses pontos, porque no futuro vai aparecer uma outra companhia que vai ganhar mercado através desse problema.
  4. Logística é apenas o caminhãozinho que entrega os produtos e tem “custo irrelevante”, afinal a estrada do concorrente é a mesma. Depois da Patrícia, essa visão mudou e se tornou muito mais ampla: embalagens, rotas, formas de transporte, tamanho, especificação, reciclagem, logística reversa, e por aí vai.
  5. Estoque e contas a receber são dois maus necessários e cada negócio precisa carregar seu fardo de acordo com a sua forma de trabalho. Hoje eu vejo como é possível trabalhar essas duas variáveis e como as principais empresas de Varejo que melhoram, é porque passaram a trabalhar melhor esses dois pontos.

Bom, Paty, eu poderia ficar enumerando aqui diversos outros exemplos, mas o que importa no final é que você me transformou em um profissional melhor e eu agradeço a isso todos os dias. Já tive a oportunidade de te escrever isso em private e agora em público.

Tomara que eu esteja conseguindo te ajudar também a alcançar seus objetivos e que estes dois anos sejam apenas os dois primeiros de uma longa caminhada juntos aqui no Dica de Hoje, e que você desabroche cada vez mais. Acredito que você seja ainda uma startup em busca de todo o crescimento que você pode trazer para você e para quem estiver a sua volta.

E parabéns pela sua personalidade!

Não deixem de seguir a Patrícia no Instagram. Todo dia coisa nova(clique aqui).

Mas qual foi a Dica de Hoje deste artigo? Então, da mesma forma que a Patrícia me modificou e isso me fez acertar mais e ser um profissional melhor, nas empresas acontece o mesmo. Às vezes, um projeto que está ocorrendo agora, não traz nenhum resultado a curto prazo, mas a modificação que ele gera trará muito resultado futuro. Pense Nisso!

Abraços e Bons Investimentos

Daniel Nigri

Conheça nossa Área de Assinantes ou clique aqui para escolher algum de nossos planos.