– Produção de petróleo e gás no Brasil sobe 4,5% em abril:

A produção de petróleo e gás natural no Brasil cresceu 4,5% em abril contra março, para 3,798 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A produção do pré-sal correspondeu a 72,7% do total, ou 2,761 milhões de boe/d. A produção de petróleo no mês passado atingiu 2,971 milhões de barris por dia (bpd), alta de 4,5% em relação ao mês anterior, enquanto o gás natural teve alta de 4,2%, totalizando 131,4 milhões de metros cúbicos.

A produção da Petrobras subiu 4,2% em abril, para 2,792 milhões de boe/d, sendo 2,170 milhões de bpd de petróleo e 99 milhões de metros cúbicos de gás natural, informou a ANP. (Fonte: Estadão Conteúdo)

– Brasil tem arrecadação recorde com royalties de petróleo e gás em maio:

O Brasil registrou neste mês recordes históricos de arrecadação com a cobrança de royalties e participações especiais referentes à produção local de petróleo e gás, segundo a reguladora ANP.

Os royalties de maio, pela produção de março, somarão 3,3 bilhões de reais, com salto de 18% frente a abril e disparada de 150% na comparação com o mesmo mês de 2020, apontou a agência em comunicado à imprensa.

Já as participações especiais, que são apuradas trimestralmente e cobradas de campos com grande volume bombeado, alcançaram 9,135 bilhões de reais em maio, referentes à produção entre janeiro e março, alta de 69% ante o trimestre anterior. (Fonte: Reuters)

– AIE aumenta previsão de queda na produção de petróleo dos EUA em 2021:

A produção de petróleo dos Estados Unidos deverá recuar em 290 mil barris por dia (bpd) em 2021, para 11,02 milhões de bpd, afirmou a Administração de Informação sobre Energia (AIE), indicando uma queda mais brusca do que a prevista anteriormente, de 270 mil bpd.

Os produtores de petróleo dos EUA vêm aumentando gradativamente as atividades de perfuração diante de uma recuperação nos preços da commodity, mas o crescimento da produção tem sido contido à medida que investidores pressionam as empresas por controle de gastos e foco nos retornos.

Em 2022, a expectativa é de que a produção avance em 820 mil bpd, para 11,84 milhões de bpd, cifra inalterada em relação à estimativa publicada pela AIE no último mês.

A AIE disse esperar que o consumo de petróleo e outros combustíveis líquidos nos EUA avance em 1,39 milhão de bpd em 2021, para 19,51 milhões de bpd, ante previsão anterior de alta de 1,32 milhão de bpd. A agência espera que o consumo de gasolina nos EUA tenha média de quase 9 milhões de bpd neste verão (do Hemisfério Norte), entre abril e setembro, o que representa 1,2 milhão de bpd a mais do que no verão passado, mas cerca de 600 mil bpd a menos do que no verão de 2019. (Fonte: Reuters) (Eu explico o grande aumento da produção de petróleo dos EUA nos últimos anos no livro Ouro Negro)

– Estoques de Petróleo nos EUA:

Na última quarta-feira (19/maio) foram divulgados os números dos estoques semanais de petróleo bruto dos EUA pela agência “Energy Information Administration (EIA)”. Os estoques de petróleo aumentaram 1,321 milhão de barris na semana passada, em comparação com as expectativas dos analistas de um aumento de 1,623 milhão de barris.

Os estoques de destilados, que incluem diesel e óleo para aquecimento, caíram 2,324 milhões de barris na semana, contra as expectativas de uma queda de 386.000 barris, mostraram os dados da EIA.

 

O refino de petróleo bruto foi de 96.000 barris. A taxa semanal de utilização das refinarias aumentou 0,2% registrando 86,3% de sua capacidade operável, de acordo com o relatório da EIA. Os estoques de gasolina caíram 1,963 milhão de barris na semana passada, disse a EIA, em comparação com as expectativas de uma queda de 886.000 barris. (Fonte: Investing.com)

– Número de sondas americanas em atividades:

Ontem foi divulgado, pela empresa de serviços de energia Baker Hughes, a contagem do número de sondas de perfuração em atividade nos EUA. A contagem desta semana registrou um aumento de 4 sondas em relação semana passada, registrando um total de 356 sondas de perfuração em atividade. Na semana retrasada esta contagem tinha registrado um aumento de 8 sondas totalizando 352 sondas. Esses dados indicam um sinal de retomada da produção americana de Shale-Oil, no entanto, ainda está bem longe de recuperar os números de antes da pandemia, quando registrava em março a faixa de 680 sondas em atividades. Vamos ficar de olho! (Fonte: EUA – Contagem de Sondas Baker Hughes – Investing.com)

– Panorama Semanal do preço do Barril do Petróleo:

Os contratos futuros de petróleo fecharam em alta nesta sexta-feira, 21, em sessão na qual o mercado observou potenciais distúrbios na produção no Golfo do México por conta eventos climáticos. Na semana, entretanto, a commodity acumulou queda próxima a 3%, com as tratativas em torno do acordo nuclear com o Irã pressionando os preços diante da possibilidade de suspenso de sanções que poderiam ampliar a oferta da commodity. Durante a sessão de terça-feira, a referência mundial Brent chegou a atingir 70 dólares o barril pela primeira vez desde março/2021, impulsionado pelas expectativas de recuperação de demanda.

Os preços encontraram apoio nesta sessão de sexta em uma possível tempestade no Golfo do México. Na visão de Phil Flynn, analista de mercado sênior do The Price Futures Group. “Um distúrbio tropical é um lembrete de que a temporada de furacões no Atlântico está chegando e parece que deve começar cedo“.

O avanço das negociações pela retomada do “Plano de Ação Conjunto Global” (JCPOA, na sigla em inglês), nome oficial do acordo nuclear que envolve países desenvolvidos, a União Europeia (UE) e o Irã, também ficou no radar de investidores. Com a volta do pacto, os EUA suspenderiam sanções à Teerã, deixando o caminho livre para que a oferta iraniana suba na segunda metade de 2021 aumentando a oferta global. “Isso poderia colocar uma quantia significativa de petróleo no mercado, que é o motivo pelo qual estamos cada vez mais em queda agora”, disse Bob Yawger, diretor dos futuros de energia da Mizuho.

Além dessas notícias, nesta semana aumentaram as preocupações com as perspectivas da demanda na Ásia que ajudaram também a puxar os preços para baixo. Quase dois terços das pessoas testadas na Índia mostram exposição ao coronavírus.

Os contratos futuros do Brent para o mês de julho/2021, terminaram o dia com um aumento de 2,41%, encerrando o dia negociados a US$ 66,68 o barril na Intercontinental Exchange (ICE), em Londres. preços do WTI para o mês de julho/2021 apresentaram um aumento de 3,12%, sendo negociado a US$ 63,87 o barril na Bolsa de Mercadorias de Nova York (Nymex). No acumulado semanal, a referência global Brent apresentou uma queda de -2,95% e a referência americana WTI queda de -2,29%. (Fonte: Reuters / Estadão Conteúdo / Investing.com)

Fontes: dados retirados do GuiaInvest Pro (21/maio/2021)

Fontes: dados retirados do Investing.com (21/maio/2021)

Fontes: dados retirados do Investing.com (21/maio/2021)

Até a próxima semana!

Abraços

Leo Bittencourt

DESCUBRA O PODER EXPLOSIVO DAS SMALL CAPS! CONHEÇA A NOSSA NOVA CARTEIRA:

SMALL CAPS: A LISTA DAS AÇÕES MAIS EXPLOSIVAS DA BOLSA DE VALORES

Venha descobrir as ações que poderão se valorizar muito em pouco tempo!

ATENÇÃO TEMOS NOVIDADES!!! O Dica de Hoje lançou uma Área Internacional. Ela reúne boas estratégias em investimento que aplicam parte do patrimônio no exterior. Contam com profissionais qualificados e equipe competente. Uma opção mais viável para quem quer diversificar e investir lá fora.

Venha conosco nessa jornada e conheça os detalhes dessa nova área Premium!

Você já conhece a nossa conheça a nossa nova ESTRATÉGIA XEQUE-MATE?

Clique aqui e descubra a estratégia que permite aos grandes investidores lucros até mesmo durante a pior das crises. Conheça os detalhes da metodologia Anti-crise, provada e comprovada do DIVIDENDOS 3X, que pode multiplicar os rendimentos das ações (Mesmo em um ano de fracos Dividendos!).

Você conhece os nossos planos de assinaturas?

– Clique aqui e escolha um plano “Dica de Hoje” que que se adeque melhor a seu perfil!

Escolha um dos Planos “Dica de Hoje”:

– Plano “Ações – Dica de Hoje”: Plano mensal / Plano anual

– Plano “Combo Ações + FIIS – Dica de Hoje”: Plano mensal /  Plano anual

Você já adquiriu o nosso livro OURO NEGRO??

Clique aqui e tenha em mãos a incrível história do Petróleo da sua origem até os dias de hoje (incluindo notícias até dezembro de 2019)! São 160 anos de história com muitas curiosidades, fotos, e foi escrito de forma bem simples e descontraída!

 

 

Leonardo Bittencourt

Meu nome é Leo Bittencourt, tenho 37 anos, sou casado e pai de 1 filho. Sou formado em Ciência da Computação pela UFRJ e sou estudioso do setor de Óleo e Gás. Sou apaixonado por praias e pela vida simples do interior, especialmente por Minas Gerais, com suas serras, cafés e comidas artesanais. Como investidor comecei com 22 anos, comprando meus primeiros "pequenos" imóveis na cidade do Rio de Janeiro. De lá pra cá, me aventurei em alguns empreendimentos e entrei no Mercado de Ações em 2010 comprando minhas primeiras ações. Hoje a minha missão é ajudar pessoas levando maiores informações possíveis sobre investimentos, mercados e empresas!