Investimentos: Você opera através de notícias?

0
86
investimentos e noticias

Investimentos: Você opera através de notícias?

 

Quando se fala em investimentos, o  que mais eu vejo, são grupos de whatsapp em que muitos integrantes ao invés de buscar a aprender sobre as empresas querem ficar procurando qual aquela melhor ação para investir hoje. Qual a ação que pode nos dar o maior lucro hoje ou no máximo essa semana.

Alguns ficam anos, e às vezes até décadas rodando em círculos com rendimentos pífios, muitas vezes até perdendo dinheiro com essa estratégia, mas não conseguem largar.

Para estes a bolsa de valores virou um vício, como se fosse uma mesa de jogos, uma roleta em que o deixa se vangloriar daquele triunfo raro, mas que ao longo dos anos, o resultado é zero ou negativo.

 

Vamos a alguns exemplos recentes de notícias que movimentaram o mercado.

 

braskem
https://braziljournal.com/exclusivo-lyondell-desiste-de-comprar-a-braskem

 

No dia 03/06/2019, as ações de Braskem, BRKM5 fecharam a R$ 41,20, no dia 04/06/2019, as ações BRKM5 abriram a R$ 33,01, uma queda de quase 20%, por causa de uma notícia. O que leva uma pessoa que tem a ação em carteira, vender a mesma companhia, no dia seguinte, apenas porque saiu uma notícia que não mexe com a operação da empresa?

Eu não vejo explicação plausível, apenas o próprio desconhecimento. A pessoa comprou Braskem e nem sabe o que a companhia produz, vende, qual seu maior item de custo ou quais são seus sócios controladores.

Alguns grandes gestores de fundos, aproveitaram essa queda para comprar BRKM5 a R$ 33,00, enquanto as pessoas físicas amedrontadas vendiam as ações temendo o “fim da Braskem”. Hoje as ações já estão a R$ 35,50 (fechamento de 21/06/2019).

No dia 22/05/2019, a mídia começa a noticiar, a alta do Banco Pan (antigo Banco Panamericano na época do grupo Sílvio Santos) que prometia ser o novo Banco Inter. Uma plataforma completamente digital e com dois controladores de peso. A Caixa e o BTG Pactual.

 

investimentos e notícias
https://www.seudinheiro.com/acoes-do-banco-pan-disparam-na-b3-com-promessa-de-ser-o-novo-inter/

 

Volatilidade

As ações encerraram o dia 21/05/2019 a R$ 3,81. 12 dias depois no dia 03/06/2019, as ações alcançaram a máxima de R$ 8,78. A pressão foi tão grande de assinantes que eu precisei escrever um artigo sobre isso em 28/05/2019, clique aqui. E a conclusão foi a seguinte abaixo.

 

investir-voce-opera-noticias

 

Hoje as ações do Banco estão cotada a R$ 7,91 (fechamento de 21/06/2019).

 

Investimento na Vale do Rio Doce

 

Vale do Rio Doce teve um grande problema em 25 de Janeiro de 2019. A barragem de Brumadinho rompeu matando diversas vidas, e causando impactos ambientais, sociais na região, além de resultados para a companhia. Também precisei escrever um artigo no próprio final de semana que foi disponibilizado na Area de Membros, (Área de assinantes com recomendações de ações, Fundos Imobiliários e Fundos de Investimentos).

No dia seguinte, as ações caíram de R$ 56,15 no preço de fechamento de 24/01/2019, para um valor de R$ 45,00 na abertura, e naquele dia muitos investidores venderam as ações, tanto que estas fecharam no valor mínimo do dia a R$ 42,34. Vejam o gráfico abaixo como hoje as ações já recuperaram grande parte das perdas.

 

investir-ações-noticias

 

Claro que ficamos tristes com o ocorrido, mas nossa recomendação na época foi de aumentar a posição na empresa, aumentar os investimentos, enquanto muitas pessoas vendiam suas ações perto da mínima do ano.

E, por fim, vamos falar de Via Varejo (VVAR3). A empresa conseguiu uma forma de comprar as ações do Grupo Pão de Açucar, mas o estatuto tinha um impedimento. Uma poison pill, que caso alguém comprasse 20% da empresa deveria oferecer uma oferta pública de aquisição de ações da empresa toda.

Então no dia 02/05/2019, após o fechamento do mercado, a companhia convocou uma assembléia de acionistas para excluir essa “poison-pill” do estatuto da companhia.

 

noticia via varejo
https://www.terra.com.br/economia/conselho-da-via-varejo-propoe-exclusao-de-clausula-que-encarece-venda-da-empresa,40b8c311c277dc3f235df781a1f7fcd6sigdz8ba.html

 

Efeito Manada

No dia 03/05/2019, as ações abriram quase 10% mais caras, apenas por causa dessa notícia. A pessoa podia te comprado a R$ 4,04 no dia 02/05/2019, mas quem opera notícias, preferiu comprar, após a notícia no dia 03/05/2019, por R$ 4,47 (preço médio do dia 03/05/2019). As ações até o momento subiram 14,09% após a notícia enquanto o Ibovespa subiu em torno de 7%. Uma boa alta realmente, mas nada comparado, a tão alardeada:

“MELHOR COMPRA PARA 2019”, ou “A AÇÂO QUE VOCÊ NÃO PODE DEIXAR DE TER”

 

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

 

“Quem compra após a notícia, compra mais caro, ou vende mais barato, ou seja, deixa dinheiro na mesa”

 

Eu poderia falar da Taurus, que já está devolvendo toda a alta de 2018, após a aprovação da lei do armamento. Poderia falar da Wiz que se uniu ao Banco Inter para vender seus seguros. Seriam apenas novos exemplos de que:

“Quem compra após a notícia, compra mais caro, ou vende mais barato, ou seja, deixa dinheiro na mesa” .

O Pior, é que esse comportamento transcende as operações de Bolsa de Valores e eu acabei de perceber isso em um dos meus cursos. Eu deixei meu curso de Análise Fundamentalista aberto por 10 dias para vendas. Avisamos muitas vezes por email, via lista de transmissão e até mesmo em vídeos. Na última quinta feira, dia 20/06/2019, as vendas foram encerradas e, infelizmente algumas pessoas não conseguiram comprar este curso que eu só abro uma vez por ano.

Investimentos e notícias e suas consequências

Como, existem boletos a compensar, eu não posso tornar o produto indisponível, então a solução é colocar um preço proibitivo e avisar para que ninguém compre por um valor que é o dobro do preço do dia anterior.

Pois bem, tivemos 3 vendas neste preço maior de pessoas que provavelmente “se desesperaram” quando viram o preço subir.

Seria o equivalente ao investidor que deixou de comprar o BPAN4 a R$ 3,40 quando eu avisei na live em Maio, mas quis comprar 10 dias depois no dia 29/05/2019 a R$ 7,00.

Se você é um desses 3 compradores do curso, sinta-se a vontade para pedir o cancelamento com estorno, enviando e-mail para mim, ou caso queira permanecer no curso, mesmo tendo pago esse valor bem maior que os demais, pelo menos que pense nesse comportamento para que esta seja a última vez que isto ocorra. Chamamos isso de investimentos pessoal, investimentos.

 

Conclusão

 

Enfim, quando tomamos decisões impensadas, normalmente gastamos mais do que deveríamos nas compras, ou recebemos menos do que poderíamos nas vendas.

As inscrições do curso estão encerradas, e agora abriremos este curso avançado apenas no segundo semestre de 2020, mas você pode se tornar um Membro Gold, e ter acesso a nossa área de análises de empresas, desfrutando da Carteira Dica de Hoje, das carteiras calculadas, além das áreas com recomendações de Fundos imobiliários e Fundos de investimentos. Clique aqui e assine

 

Abraços e Bons investimentos

Daniel Nigri