O SEU FUNDO VAI CAIR HOJE (CARTEIRA Z)

0
248

O SEU FUNDO VAI CAIR HOJE (CARTEIRA Z)

Hoje é o dia que seu fundo vai cair.

Não tome um susto quando olhar o saldo dos seus fundos de investimento.

O dia das Bruxas, pra quem tem fundos de investimento, não é dia 31 de outubro, mas dia 30 de novembro. E dia 31 de maio também.

Estamos falando do Come-Cotas.

Antes de continuar, quero te informar que a nossa Black Friday Dica de Hoje terminou na quarta-feira, mas eu, chato como sou, pedi ao nosso amigo, e querido Sócio Fundador da Casa de Análise mais estupenda do Brasil, para prorrogar por mais um dia. Recebi muitos e-mails, mensagens de whatsapp e sinais de fumaça de pessoas que perderam o Black Friday Dica de Hoje. E o nosso generoso Daniel atendeu. Ufa!!!

Então a oportunidade derradeira é essa.

Ah, e se não gostar ou não atender aos seus objetivos, não se preocupe. O primeiro mês é grátis. Pode cancelar até o 29º dia.

Se você gostar e continuar, o primeiro mês terá sido grátis e a sua mensalidade com esse plano tri anual será equivalente a R$ 30,25 reais. (37 meses).

Voltando ao nosso imposto, você sabe que nada é perfeito nessa vida.

Nos fundos há diversas vantagens, tais como:

– Rentabilizar com consistência: escolhendo com critérios e analisando as gestões e estratégias, a probabilidade de você bater os benchmarkings e uma carteira pessoal comum é altíssima;

– não ter dor de cabeça para declarar I.R. na sua declaração anual, já que ele é retido na fonte;

– alcançar uma diversificação grande com um patrimônio reduzido. Ex: com R$ 1.000,00 reais, você pode investir em um fundo que tem mais de 50 debêntures em sua carteira; e

– diminuir os custos, pois eles são diluídos entre os cotistas. Em tese, se o patrimônio de um fundo aumenta, os custos aumentam em proporção inferior, fazendo com que as taxas cobradas sofram efeito de escala, além disso, as operações de compra e venda dentro de um fundo, independente do valor, são isentas de I.R.

 

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

 

Essas são algumas das principais vantagens, mas, como tudo na vida, há desvantagens e uma delas é o chamado Come-Cotas.

 

Simplificando: é uma antecipação do I.R. a cada 6 meses, a uma alíquota de 15% do lucro do investidor, que tem como consequência a redução de suas cotas. Mas a parte boa é que não é cumulativa, ou seja, se você aplicou em um fundo no dia 1º de janeiro de 2018 e resgatou no dia 1º de agosto, como houve o come-cotas em 31 de maio de 2018, no resgate só haverá a cobrança da diferença (em cima dos 20%), ou seja, 5% de I.R. sobre o lucro.

Os fundos de ações não são atingidos pelo come-cotas, somente, os fundos de renda fixa e os fundos multimercados.

A tabela de I.R. é regressiva para esses fundos:

 

Mas, na prática, você deve se perguntar, essa antecipação afeta demais o meu investimento?

A boa notícia é que os fundos, bem escolhidos e de boas gestões, conseguem uma performance eficaz que os tornam, mesmo com o come-cotas, mais vantajosos que outras aplicações de Renda Fixa.

 

Vamos ver quanto um fundo terá que render para, por exemplo, superar um CDB com um vencimento em 10 anos.

(Nesse comparativo estamos puxando sardinha para o CDB, pois não há vencimento para 10 anos. Você teria que sacar e aplicar novamente, incidindo novamente o I.R.)

Hoje, vemos alguns raros CDB com taxas de 105% do CDI e com liquidez diária.

Aplicando 100 mil reais, se o vencimento fosse em 10 anos, com a taxa Selic a 6,5%, teríamos ao final do período:

Rentabilidade de 105% do CDI para ambos:

CDB: R$ 179.416,22

FUNDO: R$ 175.446,54 (descontado o come-cotas)

Uma vantagem em 10 anos para o CDB de R$ 3.969,68.

Nós, da Carteira Z, estudamos Fundos de Renda Fixa que, pela qualidade da sua gestão e diversificação, tem performance entre 110 e 120% do CDI, ou mais, e com baixíssimo risco.

Dessa forma, com um Fundo rendendo 110% do CDI (mais uma vez, sendo extremamente conservadores), chegaremos a um valor, considerando o comparativo acima, de R$ 180.130,97, que seria uma quantia de R$ 600 reais acima de um CDB, com vencimento em 10 anos, já descontado o come-cotas.

Um fundo para ser similar a um CDB, que paga 105% do CDI, com a SELIC nos atuais 6,5%, precisa render 109% do CDI. Assim, eles empatariam em 10 anos. Abaixo de 10 anos, a vantagem sempre seria do Fundo.

Conclusão

Nesse artigo, queremos te fazer entender como é o come-cotas e como ele reflete em seus investimentos.

Agora me diga: faz sentido optar por um CDB, que paga 105% do CDI, em detrimento de um Fundo que tem a média de 115 ou 120% do CDI?

Falando de risco, o CDB tem a garantia do FGC até o valor de 250 mil reais, mas estará exposto a uma instituição, que, se quebrar, dará uma certa dor de cabeça ao precisar usar o Fundo Garantidor, e,  no fundo, você terá a vantagem da diversificação, e, se você estudar boas gestões, verá que ao longo do tempo os resultados podem ser muito consistentes e com baixo risco.

Nossa Carteira Z LIGHT, que é a mais conservadora, para um perfil que não aceita volatilidade, rende no ano a média de 125% do CDI.

Ressaltamos que a segurança maior está no Tesouro Selic, como elucidado nesse nosso último artigo sobre Reserva de Emergência.

 

Fique esperto e não desperdice o último dia da Black Friday do Dica de Hoje. 

blackfriday

Temos o plano mensal: e o plano anual.

 

Se você quiser conhecer as Carteira Z, acesse: www.carteiraz.com.

Qualquer dúvida ou sugestão serão muito bem-vindas.

Abraços e bons investimentos.

 

RAFAEL ZATTAR

Artigo anteriorMRV Engenharia – MRVE3: Dados da Empresa
Próximo artigoAnálise de Serviços: HAPV3 & GNDI3
Rafael Zattar, Administrador de Empresas, Pós graduando em Gestão Pública e especialista em fundos de investimento. Ele se encantou pelo mundo dos fundos de investimento pela possibilidade de poder estudar as melhores gestões e selecionar a nata desse universo e, ao mesmo tempo, ajudar as pessoas a focarem em suas atividades profissionais para turbinar os aportes acompanhando as análises da Carteira Z. Apaixonado pela família, a sua avó Zenilda é o amor de sua vida e a inspiração de todos os dias. Tem como companheira de vida e parceira Stella e filho da batalhadora Silvia e sua irmã Carla, analista do Ministério Público, além de sua melhor amiga, é a revisora dos textos da Carteira Z.