CBOP11: Estudo do Fundo Imobiliário

0
350
CBOF11

CBOP11: Estudo do Fundo Imobiliário

Olá, meu nome é Egbert Chaves autor do Radar de Fundos Imobiliários da Área de FIIs para Membros Gold, se você ainda não é assinante, clique aqui para se tornar um Membro Gold.

Aproveite a promoção até dia 27/11, faça a assinatura da área de membros por 03 anos, pagando apenas R$ 1.117,00 por 3 anos e ganha mais um mês grátis. Incluindo o mês grátis sai o equivalente a R$ 362,27 por ano. Clique aqui, para aproveitar essa promoção.

 

CBOF11

Fonte: Tishman Speyer

A composição do Fundo

O fundo CBOP11, Castello Branco Office Park FII, é proprietário de 50% da fração ideal da Torre Jatobá, localizado na Av. Marcos Penteado de Ulhôa Rodrigues, 939, na região Alphaville da cidade Barueri.

O complexo Castello Branco Office Park, foi desenvolvido para possuir 06 torres comerciais e um anexo corporativo horizontal com diversificada área de serviços e comércio, estacionamento para mais de 8.500 veículos, ocupando uma área de 110 mil m².

Desenvolvido pela Tishman Speyer, o edifício foi entregue em outubro de 2011 e possui uma classificação Duplo A.

É um edifício com alto padrão, pé direito livre de 2,75 m, 709 vagas de estacionamento, 09 elevadores sociais, heliponto, ar-condicionado central com controle de ruídos e vibrações do sistema, enfermaria, restaurantes e café. Com lajes a partir de 1084 m².

CBOF11

Fonte: Tishman Speyer

Localização de CBOP11

De frente para a rodovia possui acesso fácil e rápido para o Alphaville e Rodoanel, ficando próximo a estação da CPTM e também do Shopping Center Tamboré.

CBOF11

O fundo é administrado pela CSHG, CREDIT SUISSE HEDGING-GRIFFO, 0,3% a.a. sobre o valor de mercado, com mínimo mensal de R$30.000,00 atualizados anualmente pelo IGP-M. Possui a Tishman Speyer como consultora imobiliária na comercialização no fundo.

Apesar de possuir uma boa área de locação, o edifício não possui muita diversificação dos inquilinos, apenas 03 atualmente.

CBOF11

A maior parte dos contratos estão longe de vencer, 42% em 2022, Azul e Odontoprev e 51% em 2027, AES Eletropaulo. Já as revisionais, possui 18% em 2019, Odontoprev, 51% em 2020, AES Eletropaulo e 24% em 2021, Azul. Todos os contratos são reajustados pelo IGP-M, que está acima dos 10% nos últimos 12 meses.

A última desocupação do fundo foi de uma área de 3%, pela Gafisa, essa área foi incorporada pela Azul. O fundo carrega essa vacância de 7% praticamente desde o fim de 2013.

CBOP11

 

Olhando o Radar de FII de hoje, 21/11/2018, temos os seguintes dados de CBOP11.

Vacância

CBOP11 hoje possui uma vacância de 7,0% e possui uma Área Bruta Locável de 16.050,00 m².

Cotação R$ 71,50, Valor patrimonial R$ 71,46, o que resulta um P/VP de 1,00. O último rendimento distribuído foi de R$0,47, o que dá um Dividend Yield de 0,65% ou 7,89% se multiplicado por 12 meses. Nos últimos 12 meses distribui R$ 5,64. Atualmente a média do  Dividend Yield no segmento de Lajes Corporativas é  0,58%.

O fundo negocia com um Valor de Mercado por m² na faixa de R$ 6.303,58, possui liquidez média nos últimos 30 dias de R$ 83.154,50 um participação no IFIX de 0,31%.

Conclusão

E com base nesses números podemos estimar os rendimentos do fundo em função de uma faixa de aluguel por m², para ver qual o upside na renda recebida por cota.

Não se esqueça da promoção até o dia 27/11, apenas R$ 1.117,00 por 3 anos e ganha mais um mês grátis. Incluindo o mês grátis sai o equivalente a R$ 362,27 por ano. Clique aqui, para aproveitar essa promoção.

Confira também o estudo de ONEF11.

A partir de agora o restante do estudo sobre o fundo será exclusivo para os assinantes Membro Gold, se você ainda não é assinante, clique aqui para se tornar um Membro Gold.  Lembrando que você possui 29 dias de garantia para reembolso.

 

Até a próxima