Resultados de ENGIE do 4t18

0
671
resultados-de-engie-CAPA

Resultados de ENGIE do 4t18

ENGIE (código Bovespa: EGIE3)

RESUMÃO – Resultados 4T18:

(Data de divulgação: 19/Fevereiro/2019)

(Dados retirados do site de RI)

 

– Estratégia da Empresa:

Em 2018 a Engie encerrou o ano com excelente resultados e uma série de objetivos alcançados, afirmando a construção das bases e fundações para os próximos ciclos do mercado e da empresa. Seguiram a estratégia pautada pelos pilares da Descentralização (com reestruturação da área comercial, mais segmentada para atender os clientes), Digitalização (trazendo transformação digital para seus métodos e ferramentas de precificação de energia) e Descarbonização(entrega do Conjunto Eólico Campo Largo e avanço no Umburanas).

 

– Composição Acionária:

resultados-de-engie-do-4t18-01  

– Destaques Operacionais e Financeiros:

 

– Receita Líquida:

– Expansão Consistente:

A Engie Brasil se consolida como a maior produtora independente de energia do Brasil. Possui uma capacidade instalada própria de 8.099,8 MW composto de 45 usinas, sendo 79% Hidrelétricas, 11% Termoelétricas e 10% usinas complementares (Eólica, PCH(pequenas centrais hidrelétricas), Biomassa e Solar). resultados-de-engie-do-4t18-02    

– Produção de Energia Elétrica:

A produção de energia elétrica nas usinas operadas pela Engie Brasil foi de 12.087 GWh (5.474 MW médios) no 4T18, resultado 30,8% superior à produção do 4T17. Do total gerado, as usinas hidrelétricas apresentaram um aumento de 41,3%, as usinas complementares um aumento de 42,6% e as termelétricas uma redução de 34,4% em comparação ao 4T17.   O aumento na geração das usinas hidrelétricas deve-se principalmente às condições hidrológicas mais favoráveis em 2018 e à contabilização dos montantes das Usinas Hidrelétricas Jaguara e Miranda.O aumento das usinas complementares ficou a cargo, principalmente, da entrada em operação comercial do Conjunto Eólico Campo Largo I e,a redução no volume de geração das termelétricas ocorreu por causa do menor despacho por ordem de mérito de custo, sendo mantido basicamente o despacho mínimo por razões elétricas do Sistema Interligado Nacional (SIN).  

 

– Receita Operacional Líquida:

No 4T18, a receita operacional líquida apresentou um aumento de 11,4% (+R$ 234,9 milhões) quando comparada ao 4T17, passando de R$ 2.067,4 milhões para R$ 2.302,3 milhões. No ano 2018, a receita operacional líquida passou de R$ 7.010,0 milhões em 2017 para R$ 8.794,8 milhões em 2018, um aumento de 25,5% (+R$ 1.784,8 milhões) em comparação com 2017. Esse aumento decorreu essencialmente de: operações de trading de energia iniciadas em 2018; pelo aumento da receita nas operações realizadas no mercado de curto prazo; receita de GAG das Usinas Hidrelétricas Jaguara e Miranda; à receita de implementação de infraestrutura da linha de transmissão Gralha Azul; da receita de venda de painéis fotovoltaicos; pelo aumento do preço médio líquido de venda; e acréscimo decorrente de maior quantidade de energia vendida. resultados-de-engie-do-4t18-04    

 

– Volume de Vendas:

A quantidade de energia vendida em contratos passou de 9.334 GWh (4.227 MW médios) no 4T17 para 9.225 GWh (4.178 MW médios) no 4T18, redução de 1,2% ou 109 GWh (49 MW médios). Em 2018, o volume de venda de energia foi de 35.904 GWh (4.099 MW médios), contra 35.761 GWh (4.082 MW médios) registrados em 2017, acréscimo de 0,4% ou 143 GWh (17 MW médios) em comparação com 2017. Esses volumes não incluem as operações de trading de energia.  

 

– Operações de Trading de Energia:

A Engie Brasil ingressou em janeiro de 2018, no mercado de trading de energia. No 4T18, a receita de trading foi de R$ 276,1 milhões, relativos a 1.202 GWh (545 MW médios). Em base anual, o valor foi de R$ 680,5 milhões ou 3.049 GWh (348 MW médios). Adicionalmente, no 4T18, a empresa reconheceu R$ 43,2 milhões referentes aos ganhos líquidos não realizados decorrentes da marcação a mercado (diferença entre os preços contratados e os de mercado) das operações líquidas contratadas em aberto em 31 de dezembro de 2018.

 

– Custos da Venda de Energia e Serviços:

Os custos da venda de energia e serviços aumentaram em R$ 161,6 milhões (13,9%), passando de R$ 1.164,5 milhões no 4T17 para R$ 1.326,1 milhões no 4T18. Em 2018, esses custos atingiram R$ 4.876,0 milhões, aumento de 21,8%, ou R$ 872,1 milhões a mais que em 2017, que foi de R$ 4.003,9 milhões.Tais variações decorreram, por alguns fatores como: elevação de R$ 195,3 milhões (38,6%) no 4T18 em comparação ao 4T17 da “Energia elétrica comprada para revenda”; aumento de 2,6% dos custos das “Transações no mercado de curto prazo (CCEE)”; aumento de 12% nos “Encargos de uso de rede elétrica e conexão” e decréscimo de R$ 165,3 milhões (99,4%) com “Combustíveis para produção de energia elétrica”, devido à redução de consumo de carvão mineral entre os períodos, em virtude de menor geração termelétrica.  

 

– Ebitda e Margem Ebitda:

O Ebitda alcançou R$ 1.083,3 milhões no 4T18, aumento de 1,5% (R$ 15,7 milhões) em comparação ao 4T17. No entanto do ponto de vista negativo, a margem Ebitda foi de 47,1% no 4T18, o que representou uma redução de 4,5p.p. em relação ao 4T17. No ano de 2018, o Ebitda aumentou R$ 848,1 milhões (24,1%), passando de R$ 3.519,5 milhões em 2017 para R$ 4.367,6 milhões em 2018.A margem Ebitda em 2018 atingiu 49,7%, representando redução de 0,5 p.p. em comparação com 2017. resultados-de-engie-do-4t18-05  

 

– Despesas Financeiras:

As despesas financeiras no 4T18 foram de R$ 214,2 milhões, 36,3% acima das registradas no 4T17, que foi de R$ 157,1 milhões. Na comparação anual, as despesas aumentaram 89,6%de R$ 450,3 milhões no 2017 para R$ 854,0 milhões no 2018. As principais variações observadas foram: elevação de R$ 201,2 milhões nos juros e na correção monetária sobre as concessões a pagar, visto o acréscimo dos índices inflacionários no ano de 2018; aumento de R$ 191,4 milhões nos juros e na variação monetária sobre dívidas, em função da emissão de debêntures pela Companhia Energética Jaguara e Miranda assim como pela Engie Brasil e sobre empréstimos contratados recentemente; e reconhecimento de R$ 17,6 milhões em 2018 de correção monetária sobre outros valores a pagar.  

 

– Lucro Líquido:

O lucro líquido da Engie Brasil no 4T18 foi de R$ 761,6 milhões, representando um aumento de 8,1% (+R$ 56,9 milhões) acima do 4T17. resultados-de-engie-do-4t18-06jpg    

 

– ROE e ROIC:

A Engie Brasil apresentou no 4T18 elevados níveis de ROE e ROIC.    

 

– Endividamento:

Em 31 de dezembro de 2018, a dívida bruta total consolidada, representada principalmente por empréstimos, financiamentos e debêntures, líquida dos efeitos de operações de hedge, totalizava R$ 9.498,3 milhõesaumento de 41,0% (R$ 2.760,1 milhões) comparativamente à posição de 31 de dezembro de 2017. resultados-de-engie-do-4t18-08dívida líquida (dívida total menos resultado de operações com derivativos, depósitos vinculados à garantia do pagamento dos serviços da dívida e caixa e equivalentes de caixa) da empresa era de R$ 6.856,3 milhões, aumento de 49,6% em relação ao registrado ao fim de 2017.

 

 

– Projetos em Desenvolvimento:

resultados-de-engie-do-4t18-10  

 

– Dividendos Complementares Propostos:

O total de proventos relativos a 2018 atingirá R$ 2.272,5 milhões (R$ 2,78 por ação), equivalente a 100% do lucro líquido distribuível ajustado. O valor por ação já considera o aumento de capital com bonificação de ações, realizada em dezembro de 2018. resultados-de-engie-do-4t18-12  

 

Conclusão sobre os resultados de Engie do 4T18:

Não há dúvidas que o resultado de Engie foi excelente neste ano de 2018. Mas a pergunta que o analista precisa fazer é se esse resultado tem condições de prosseguir no futuro. Quando analisamos o ano de 2018 e comparamos com o ano de 2017, vemos que a energia vendida em 2018 teve um pequeno aumento em 2018 de 0,4%, o preço líquido médio de venda da Energia Vendida cresceu apenas 0,1%, então como a Engie conseguiu esses resultados tão impressionantes?

 

Existem alguns motivos e aqui vão os principais que fizeram essa receita líquida aumentar tanto:

 

  1. A energia vendida acima desconsidera vendas por regime de cotas, ou seja, as Usinas Hidrelétricas compradas em leilão da CEMIG em Novembro de 2017. São R$ 292,5 milhões de remuneração dos ativos financeiros e R$ 111,5 milhões resultantes da Receita de Geração das Usinas.
Obs: Com a queda da inflação essa remuneração de ativos financeiros fatalmente será menor em 2019.
  1. A companhia conseguiu R$ 723,7 milhões decorrentes das operações de trading de energia, iniciadas em 2018, ou seja, sem base comparativa com o ano anterior.
  2. R$ 461,3 milhões pelo aumento de Receita nas operações realizadas no mercado de curto prazo.

Obs: A Engie tem uma estratégia de com a energia excedente que começou a ter exatamente agora em 2018 (vocês podem ver a diferença entre a produção e a energia vendida na tabela acima), a Companhia passou a descontratar parte da energia e vender no mercado de Curto prazo para aproveitar o maior PLD (Preço de Liquidação das Diferenças) que ocorre normalmente no 3T, que é o trimestre mais seco do ano, quando os reservatórios ficam mais vazios. Esta operação nem sempre trará resultados positivos. Veja na imagem abaixo, que o resultado positivo do 4T2018 foi R$ 212 milhões menor que o resultado do 4T2017.
resultados-de-engie-do-4t18-13    

Outra questão importante…

É pensar o que a companhia está fazendo para gerar mais energia no futuro e com isso aumentar os resultados futuros dos acionistas. Os investimentos orgânicos seguem a todo vapor. 5 projetos em desenvolvimento devem gerar uma capacidade instalada extra nos próximos anos de mais 1681,8 MW. resultados-de-engie-do-4t18-14Além disso ainda existem 3 projetos em Construção, o Conjunto Umburanas, o Conjunto Campo Largo Fase II e o Pampa Sul com 323,5 MW médios de energia assegurada e que deve entrar em operação agora no 2T2019.  

Ou seja

nos próximos anos fatalmente Engie ultrapassará a marca de 10.000 MW de capacidade Instalada em suas usinas.   Além desses investimentos ainda existe a possibilidade de Engie realizar uma aquisição no setor de transporte de gás comprando a TAG da Petrobrás. Assunto que já foi desmiuçado pela Patrícia Rossari qualitativamente neste artigo, e pelo Marcos Rocha na parte quantitativa neste aqui No entanto, todos esses investimentos em um período de juros baixos é importante, mas o endividamento da companhia cresce. Embora, a dívida ainda não seja um problema importante porque ela está com um perfil saudável e bastante alongada, esta aumentou de R$ 6,7 bilhões para R$ 9,5 bilhões como mostra a imagem abaixo. Descontando a posição de Caixa são R$ 6,8 bilhões, mas o custo ponderado médio da dívida subiu de 8,1% no fim de 2017 para 8,6% no fim de 2018. resultados-de-engie-do-4t18

Após uma forte alta de 53% de 01/10/2018 a 25/02/2019, a grande pergunta que o pessoal faz é se essas ações ainda estão baratas, e se ainda podem ser compradas? Esta eu irei responder na Área de Membros Dica de Hoje, para assinantes na Parte de Resultados de Empresas. Vamos calcular o Preço justo usando o modelo de Gordon, visto que a companhia distribui 100% dos lucros na forma de proventos, e vamos mostrar o histórico de Preço / Lucro da companhia também. Mais informações para ser um assinante no parágrafo e na tabela abaixo:  

Está com dificuldade de achar oportunidades?

Quer receber recomendações sobre as melhores ações da Bolsa? Relatórios e Vídeos semanais de análise de empresas. Clique aqui e vire um Membro Gold (pagando menos de R$1,25 por dia!)

Veja a tabela abaixo com todos os benefícios:

Membro Bronze Carteira Z Membro Gold
Carteira PEG  Não Sim Sim
Carteira Barganhas Sim Sim Sim
Carteira P/L abaixo da Média Sim Sim Sim
Carteira Dividendos Não Sim Sim
Carteira Graham Não Sim Sim
Carteira de Greenblatt Não Sim Sim
Carteira P/VP x ROE Não Sim Sim
Carteira Z (fundos de Investimentos) Não Sim Sim
Carteira Dica de Hoje Não Não Sim
Dados de empresa Sim Sim Sim
Relatórios Dica de Hoje (ações + Fiis) Não Não Sim
Resultados de Empresas com cálculo de preço justo Não Não Sim
Panorama de Ações Sim Sim Sim
Radar de FIIs Não Não Sim
Vídeos Dica de Hoje Não Não Sim
Hangouts Não Não Sim
Descontos em Cursos Não Não Sim
Clique Gratuito R$ 239,90 anual R$ 447,00 anual

*As carteiras Membro Bronze podem ser modificadas sem aviso prévio, a qualquer momento. Confira os resultados de Porto Seguro do 4T18.

Para informações sobre o Curso de opções Dica de Hoje, clique aqui.

Abraços e Bons Investimentos!

Daniel Nigri (analista CNPI)

Com a ajuda de Leo Bittencourt

 

Disclosure

Elaborado pelo analista independente Daniel Isaac Nigri CNPI 1810, este relatório é de uso exclusivo de seu destinatário.

Este estudo é baseado em informações disponíveis ao público nos próprios sites de RI das empresas analisadas ou comparadas, consideradas confiáveis na data de publicação.

As opiniões, aqui expressas, estão sujeitas a mudanças, por se tratarem de estimativas baseadas em fundamentos e projeções de futuro que podem ou não ocorrer.

Este relatório não representa oferta de negociação de valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros.

As análises, informações e estratégias de investimento têm como único propósito fomentar o debate entre o analista responsável e os destinatários.

Sugestão aos destinatários

Os destinatários devem, portanto, desenvolver as próprias análises e estratégias. (Caminhar com as próprias pernas e ter bom senso)

Informações adicionais sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros aqui abordados podem ser obtidas mediante solicitação, e serão arquivadas por 5 anos conforme determinação da CVM.

O analista responsável pela elaboração deste relatório declara, nos termos do artigo 17º da Instrução CVM nº 483/10, que as recomendações do relatório de análise refletem única e exclusivamente a sua opinião pessoal e foram elaboradas de forma independente.

O analista Daniel Isaac Nigri CNPI é o responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art. 16, parágrafo único da Instrução ICVM 483/10.