RESULTADOS DE SER EDUCACIONAL (SEER3)

0
217
resultados-de-ser-educacional-square

resultados-de-ser-educacional-capa

 

Resultados de SER Educacional(códigos Bovespa: SEER3)

RESUMÃO – Resultados 3T17:

(Data de divulgação: 8/novembro/2017)

(Dados retirados do site de RI)

 

– Pontos POSITIVOS:

Captação de alunos:

Ao final do 3T17, foram matriculados 23,1 mil novos alunos de graduação em comparação a 18,4 mil novos alunos no mesmo período em 2016, crescimento de 25,9%. O destaque do trimestre foi o segmento de Ensino a Distância (EAD), que teve crescimento de 77,0%, tendo matriculado 5,7 mil alunos, comparado a 3,2 mil alunos no 3T16. O Ensino a distância é o que enche meus olhos nessa empresa, e faz ela ser uma das principais ações da carteira do youtube.

resultados-de-ser-educacional

 

Evolução da base de alunos:

No 3T17, a base de alunos de graduação presencial totalizou 131,3 mil alunos, um aumento de 1,5% em relação à base reportada de 129,3 mil alunos no 3T16. No segmento de EAD, a base de alunos apresentou um crescimento de 55,8%, passando de 6,3 mil alunos no 3T16 para 9,9 mil alunos no 3T17. A base de alunos total apresentou um crescimento de 3,0% quando comparada a 3T16. No entanto, houve uma queda expressiva frente ao total de alunos matriculados no 2T2017.

resultados-de-ser-educacional

Ticket médio líquido:

O ticket médio no 3T17 foi de R$705,61, um acréscimo de 3,2% quando comparado ao mesmo período do ano anterior, em virtude principalmente do repasse da inflação e da melhoria no mix de cursos. No entanto, apresentou uma redução de -3,6% em relação ao 2T17, que fechou com ticket de R$ 731,82.

 

Crescimento Orgânico:

No 3T17, foram autorizados 100 novos cursos, acumulando 1.364 cursos, além do aumento de vagas em alguns cursos. O destaque fica para o estado do Pará, que em 30 de setembro de 2017 totalizou mais 30 novas graduações.

 

resultados-de-ser-educacional-03

 

Crescimento do EAD:

A empresa obteve sucesso em sua expansão de polos de Ensino a Distância (EAD), desde a introdução do novo marco regulatório do EAD, em julho de 2017. Foram iniciadas operações em 571 polos, em comparação a 15 polos operacionais no 3T16. Desse total, 119 polos conseguiram efetivar captação de alunos nesse 3T17.

A receita das mensalidades do EAD, segmento no qual a empresa iniciou as operações em 2014, já representa 2,4% da receita total, com R$ 9,3 milhões, e apresentou um crescimento de 59,4% em comparação ao 3T16, refletindo o aumento de 68,1% na base de alunos de graduação e pós-graduação deste segmento no 3T17, em comparação com o 3T16.

 

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

 

Receita líquida:

A receita líquida atingiu R$ 292,7 milhões no 3T17, um aumento de 7,1% em relação ao 3T16, em virtude do aumento da base de alunos e do melhor ticket médio durante o período.

EBITDA normalizado:

No 3T17, o EBITDA normalizado dos efeitos não-recorrentes e das principais despesas pré-operacionais alcançou R$84,3 milhões, 3,5% superior ao 3T16. A margem EBITDA normalizada atingiu 28,8%, comparada a 29,8% no mesmo período do ano anterior.

 

Lucro líquido normalizado:

O lucro líquido normalizado alcançou R$60,7 milhões no 3T17, ficando 10,6% superior quando comparado ao lucro líquido do 3T16, quando atingiu R$54,9 milhões. Interessante observar que a redução da dívida fez com que o impacto do resultado financeiro fosse menor. Então a empresa mesmo com um resultado operacional menor teve um lucro líquido maior. Importante também é que a margem líquida se manteve constante em 23,9% no 9M2017. A empresa tem uma sazonalidade em que o 1T é sempre melhor que os outros, principalmente porque é o trimestre onde ocorre a correção dos valores das mensalidades.

 

resultados-de-ser-educacional-05

 

Endividamento:

Caixa e equivalentes totalizou R$425,8 milhões, um aumento de 6,6% comparado ao 4T16. Esse aumento deve-se ao recebimento da segunda de três parcelas relacionadas à dívida do FIES por parte do Governo Federal de R$66,0 milhões no trimestre.

O endividamento líquido encerrou o trimestre em R$1,3 milhão, uma redução de 98,9% na comparação com o endividamento líquido de R$118,1 milhões registrado no 4T16.

– Pontos NEGATIVOS:

Taxa de evasão:

A taxa de evasão do 3T17 ficou em 14,4%, ante 11,1% no 3T16. O aumento reflete principalmente os efeitos combinados do aumento prolongado dos índices de desemprego no País e a estratégia da empresa em relação a acordos e financiamentos estudantis com carteira própria, dada a opção para 2017 de se manter uma carteira de alunos com perfil de crédito mais sólido e consistente com a geração de caixa operacional da empresa.

Custo dos serviços prestados:

Os custos caixa dos serviços (excluindo depreciação e amortização) totalizaram R$118,8 milhões no 3T17, representando uma variação de 8,4% em relação ao 3T16. Os componentes responsáveis por este aumento nos custos foram: aumento nos custos de pessoal e encargos (+3,2%), aumento de aluguéis (+28,4%), concessionárias (+7,3%) e serviços de terceiros (+37,5%).

Despesas operacionais (Comerciais, Gerais e Administrativas):

As despesas gerais e administrativas apresentaram um aumento de 27,1%, passando de R$87,4 milhões no 3T16, para R$111,1 milhões no 3T17.

 

resultados-de-ser-educacional-06

resultados-de-ser-educacional-07

 

Conclusão sobre os resultados:

 

A empresa está focando na sua expansão principalmente no ensino a distância com a criação de mais de 500 pólos para atender todo o país, e nas unidades presenciais com foco maior de entrada na Região Sudeste. Por mais que neste trimestre as despesas tenham aumentado, principalmente publicidade, aluguéis, pessoal e serviço de terceiros, vejo como uma política acertada de longo prazo.

A empresa está em um ponto muito bom para expandir porque está com endividamento líquido quase zero, tem dinheiro a receber do governo federal e sua receita de ensino a distância (EAD) é de apenas 2,4%. Esse é exatamente o motivo de estra comprado em Seer3 na carteira do youtube (clique aqui e assista ao vídeo)

Normalmente Ser Educacional tem bons primeiros e segundos trimestres e o terceiro e quarto trimestre costumam ser piores. Mas desta vez a empresa conseguiu segurar bem sua margem líquida.

Chama atenção pelo lado negativo a grande evasão de alunos e a queda do ticket médio pago.

Continuo gostando do case da empresa e acredito que em algum momento ela pode se tornar uma gigante do setor educacional ou ainda juntar suas operações com Estacio, podendo este ser um gatilho para Seer3 expandir seu EAD e Estácio aumentar sua penetração nas regiões Norte e Nordeste.

Você encontra análises como essas e até com maiores detalhes em vídeo e textos na área de membros dentro da carteira Dica de Hoje para assinantes. Clique aqui e conheça a Área de Membros.

Confira o relatório de ITAUSA, nesse link.

 

Para assinar o Plano Mensal: Clique aqui

Para assinar o Plano Anual com desconto anual de 32% !!

Pagando menos de R$1,00 por dia! Clique aqui

 

Abraços e Bons Investimentos!

 Daniel Nigri (analista CNPI)

  Com a ajuda de Leo Bittencourt

 

Disclosure

Elaborado pelo analista independente Daniel Isaac Nigri CNPI 1810, este relatório é de uso exclusivo de seu destinatário.

Este estudo é baseado em informações disponíveis ao público nos próprios sites de RI das empresas analisadas ou comparadas, consideradas confiáveis na data de publicação.

As opiniões, aqui expressas, estão sujeitas a mudanças, por se tratarem de estimativas baseadas em fundamentos e projeções de futuro que podem ou não ocorrer.

Este relatório não representa oferta de negociação de valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros.

As análises, informações e estratégias de investimento têm como único propósito fomentar o debate entre o analista responsável e os destinatários. Os destinatários devem, portanto, desenvolver as próprias análises e estratégias. (Caminhar com as próprias pernas e ter bom senso)

Informações adicionais sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros aqui abordados podem ser obtidas mediante solicitação, e serão arquivadas por 5 anos conforme determinação da CVM.

O analista responsável pela elaboração deste relatório declara, nos termos do artigo 17º da Instrução CVM nº 483/10, que as recomendações do relatório de análise refletem única e exclusivamente a sua opinião pessoal e foram elaboradas de forma independente.

O analista Daniel Isaac Nigri CNPI é o responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art. 16, parágrafo único da Instrução ICVM 483/10.