10 Melhores e Piores Ações de 2019

0
34
10 melhores ações

Quem nunca sonhou em investir na Bolsa de Valores e acertar a ação que mais subiu em um determinado ano, ou mesmo alguma ou algumas das 10 melhores ações?

Mesmo o investidor mais consciente e estruturado deseja ter um caminho mais rápido até a Liberdade Financeira, ou para uma grande valorização do ativo que ele compra.

Na Carteira Dica de Hoje Ações, que inclusive está em promoção esta semana por causa da Black Friday, por apenas R$ 2,00 no primeiro mês, tivemos o prazer de recomendar duas ações dentre as 10 melhores deste ano de 2019.

Este nosso potencial não é inédito, visto que em 2017, na nossa carteira do YouTube, também conseguimos cravar duas das 10 ações que mais subiram naquele ano. (Na época ainda não existia o projeto da área de Membros no ano todo).

Mas, o principal é entender que ações são essas e quais as semelhanças que elas possuem. Veja, abaixo, as 10 maiores altas da Bolsa como um todo, independente de liquidez do papel, no período de 02/01/2019 a 22/11/2019.

 

10 Melhores Ações de 2019

 

10-melhores-ações-2019
Dados GuiainvestPro

 

Vemos acima que existem empresas de diversos setores: bancos, construtoras, logística, planos de saúde, empresa de computadores e etc…

Então, o fator determinante não é o setor em si. Destas ações, 2 ainda estão operando no prejuízo em 2019, apesar da forte alta da cotação em 2019. Logo, o fator determinante também não é ter um lucro grande.

Um primeiro fator importante é que não existe nenhuma empresa conhecida em todo o território nacional, como Vale, Petrobras, Itaú, Ambev, Banco do Brasil ou Bradesco, por exemplo. Então, este é um primeiro ponto importante. As ações que compõem as maiores altas são chamadas Small Caps.

Mas, além disso, elas ainda reúnem uma característica fundamental de se observar, que é que todas estão passando por uma reestruturação de suas operações, e isso fica nítido nos crescimentos dos lucros das companhias ou em prejuízos recentes que elas tiveram e estão decrescendo.

 

AçãoÚltimos 5 anos – Prejuízo em
Banco Pan – BPAN4Prejuízo em 2014 e 2016. Lucro atual R$ 400 milhões.
Telebrás – TELB3Prejuízo todos os 5 anos e crescente – Exceção.
GPCP3Prejuízo 2014, 2015 e 2016.
Trisul – TRIS3Sem prejuízo. Lucro triplicou em dois anos.
Qualicorp – Qual3Sem Prejuízo – Lucro Estável – Exceção.
Positivo – POSI3Prejuízo em 2015, 2017 e 2018.
JSL – JSLG3Prejuízo em 2016. Lucro quase dobrou em 12 meses.
Banco Pactual –BPAC11Sem prejuízo. Crescimento grande nos últimos 12 meses.
JHSF – JHSF3Prejuízo 2016 e 2017.
Minerva – BEEF3Prejuízo em 2014, 2015, 2017, 2018 e até agora 2019.

 

Como vocês puderam ver na tabela acima, 7 das 10 empresas estiveram no prejuízo nos últimos 5 anos, sendo que duas ainda estão.

De acordo com os meus critérios para selecionar empresas em reestruturação, boas para crescer, tivemos apenas duas exceções que passariam longe do meu radar. As ações de Telebrás, que estão subindo com prejuízo crescente, e as ações de Qualicorp, que está com um lucro com leve alta, mas o preço das ações subiu muito.

As 3 empresas que não chegaram ao prejuízo, como Trisul e o Banco Pactual, tiveram uma queda muito expressiva dos lucros em um dado momento, mas que na hora da recuperação possibilitaram a melhora dessas ações.

E uma última observação: Nenhuma delas é uma exímia pagadora de dividendos, o que mostra claramente, que grandes distribuições reduzem o potencial de crescimento das empresas.

Agora vamos ver as ações que mais caíram neste ano de 2019, na imagem abaixo.

 

As 10 “piores” ações de 2019

 

ações-de-2019-com-queda

 

Interessante observar que aqui também não encontramos nenhuma das principais ações da Bolsa, e também vemos empresas small caps, sendo muitas delas desconhecidas do público em geral.

 

Análise

No entanto, vemos algumas marcas que já foram muito conhecidas no passado recente, como as construtoras PDG e Gafisa, ou ainda as Livrarias Saraiva (SLED4), e ainda a maior rede de agências de turismo no Brasil, a CVC, na qual eu inclusive fiz um vídeo recentemente no YouTube, sobre a tempestade perfeita da empresa (clique aqui).

Outro ponto interessante de se observar é que dentre as ações que possuem as maiores quedas de 2019, temos muitas empresas que estão em recuperação judicial, dentre elas, Viver (VIVR3), PDG (PDGR3), Fertilizantes Heringer (FHER3), Livrarias Saraiva (SLED4). Então, eu particularmente, evito recomendar ações que estejam saindo deste processo de recuperação, mesmo que estejam com boas altas recentes, como Oi, Eternit ou Dommo.

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

 

Muitas dessas empresas também tiveram prejuízos em muitos dos anos recentes. No entanto, CVC não teve prejuízo e figura na lista, assim como no ano passado a Ser Educacional (SEER3) também figurou.

Fico muito feliz de ver que nenhuma dessas 10 ações foram recomendadas pela nossa equipe. E esse é o nosso trabalho diariamente. Procurar oportunidades, mesmo que as empresas estejam em prejuízo, mas com possibilidades de melhoras.

Estas possibilidades de melhoras podem estar associadas a um crescimento de mercado do próprio setor, um crescimento da companhia ou ainda a uma melhora de eficiência operacional, que faça com que suas margens melhorem.

 Leia de novo o parágrafo acima, que resume as futuras oportunidades na Bolsa!!

 

Se você quiser conhecer melhor nosso trabalho, o momento é esse, na Black Friday. Todos os planos mensais das nossas assinaturas estão, apenas esta semana, pelo valor de R$ 2,00 na primeira mensalidade. Se você não gostar, basta pedir o cancelamento em [email protected] que nada mais será cobrado. E se você gostar, pode manter a assinatura sem fazer nada e esta será cobrada mensalmente.

 

Clique neste Link e aproveite a Black Friday

Daniel Nigri