Destaques: Sanepar, Anima e Locaweb

0
12
Destaques do mercado

Agepar vai avaliar solicitação da Sanepar sobre compensação

A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná (AGEPAR) vai avaliar a solicitação da Sanepar sobre a compensação dos valores oriundos da substituição do IGP-M pelo IPCA no reajuste tarifário de 2020.

A informação foi divulgada em um comunicado pela Sanepar na noite desta quinta, 18.

Em janeiro a Sanepar (SAPR11) pediu compensação após substituição do IGP-M pelo IPCA no âmbito da 2° revisão do reajuste tarifário, que está em andamento.

No final de dezembro do ano passado, a Agepar aplicou índice de reajuste tarifário anual de 5,11236% a partir de 5 de fevereiro de 2021.

Houve a alteração do indexador: em vez do IGP-M, índice que saltou 23,14% em 2020, foi usado o IPCA, que subiu 4,52%.

Revisões

A polêmica revisão tarifária pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná levou vários bancos a rebaixar a companhia e qualificar o caso de “intervenção”. Os preços das units SAPR11 tiveram queda acentuada.

O Bradesco BBI reduziu a recomendação para a unit de “neutra” para “underperform” (estimativa de desempenho abaixo da média do mercado), com preço-alvo de R$ 22.

O banco suíço Credit Suisse reduziu a recomendação para as units da Sanepar de “neutra” para “underperform”, além de diminuir o preço-alvo de doze meses de R$ 29,30 para R$ 27,10.

Quer diversificar seus investimentos ? Ter varias opções de carteiras? Clique aqui

Anima vai desdobrar ações

A Assembleia Geral Extraordinária da Anima (ANIM3) realizada nesta quinta, 18, aprovou o desdobramento de ações da companhia, na proporção de 3 ações para cada 1 ação.

Com a operação, a companhia passará das atuais 134.622.935 ações ordinárias, para o total de 403.868.805 ações ordinárias.

O capital social será mantido o mesmo, R$ 2.569.624.313,76.

Esta quinta-feira é a data base para fins de direito ao desdobramento e o crédito das ações será no dia 23 de fevereiro de 2021.

“As ações ordinárias resultantes do desdobramento conferirão aos seus titulares os mesmos direitos e vantagens das ações atualmente existentes incluindo dividendos e juros que vierem a ser declarados”, explicou a Anima.

Locaweb compra fintech Credisfera e a plataforma Dooca

A Locaweb (LWSA3) informou na noite desta quinta, 18, que comprou a fintech Credisfera e também a plataforma Dooca Commerce.

Com a aquisição da Credisfera por R$ 26,6 milhões, a companhia passa a oferecer solução de crédito.

Fundada em 2015 na cidade de São Paulo, a Credisfera é uma Fintech que oferece soluções de crédito para PMEs e permitirá que a Locaweb passe a oferecer mais esse serviço para a sua base de clientes de forma integrada.

Já a plataforma Dooca Commerce foi comprada por R$ 26,5 milhões.

Fundada em 2015 em Novo Hamburgo no Rio Grande do Sul, a Dooca Commerce é uma plataforma de lojas virtuais focada em PMEs, que auxilia o lojista a criar, montar e gerenciar sua loja virtual e vender online.

A Dooca apresentou em 2020 crescimento superior a 650% em números de clientes e um ARR (Receita Anual Recorrente) de R$ 5 milhões, advindo integralmente da receita de subscrição para uso da plataforma.

Fonte: RIs e Finance News

Quer ter acesso as nossas  carteiras? FIIs, Ações e outras áreas do site?