Resumo dos Resultados de Raia Drogasil

0
351
resultados-raia-drogasil-square

resultados-raia-drogasil

 

RD – Raia Drogasil S.A. (códigos Bovespa: RADL3)

RESUMÃO – Resultados 4T17:

(Data de divulgação: 22 de Fevereiro/2018)

(Dados retirados do site de RI)

 

Pontos POSITIVOS:

– Abertura de novas lojas:

A RD em 2017 abriu 210 novas lojas e fecharam 20 (com 60 aberturas e 4 encerramentos no 4T17), encerrando o período com um total de 1.610 lojas em operação, incluindo as três lojas da “4Bio” (empresa que faz parte do grupo e comercializa medicamentos especiais). Superaram o guidance de 200 aberturas pelo segundo ano consecutivo, o que reflete a robustez da sua expansão. Estabeleceram um guidance de 240 novas lojas por ano para 2018 e para 2019. A empresa atingiu um market share nacional de 12,0%, um aumento de 0,5 p.p. Começaram a atuar no Ceará e no Piauí (NE) em 2017 e pretendem entrar no mercado do Pará e no Maranhão.

resultados-raia-drogasil-01

 

– Receita bruta:

Em 2017 a empresa apresentou uma receita bruta consolidada de R$ 13.852,5 milhões (R$ 3.662,2 no 4T17), um incremento de 17,1% em relação a 2016 (14,2% no trimestre). Este crescimento de receita de R$ 2,0 bilhões em 2017 equivale à receita total da quarta maior rede de drogarias do País, o que demostra a liderança da RD no mercado.

resultados-raia-drogasil-02

 

O segmento “RD Farmácias” registrou um crescimento de 16,0% (13,1% no trimestre), enquanto a “4Bio” cresceu 53,1% no período (49,2% no trimestre).

 

 

– EBITDA:

Em 2017, registrou um EBITDA ajustado de R$ 1.130,3, uma margem de 8,2%, representando uma redução de 0,2 ponto percentual e um crescimento de 14,4% sobre 2016. No 4T17, o EBITDA ajustado atingiu R$288,7 milhões, um crescimento de 22,3% em relação ao 4T16. A margem EBITDA ajustada totalizou 7,9%, uma expansão de 0,5 ponto percentual em relação ao 4T16.

 

– Lucro líquido:

O lucro líquido ajustado totalizou R$ 512,5 milhões em 2017, equivalente a uma margem líquida de 3,7% (R$ 132,6 milhões no 4T17, uma margem de 3,6%). Isto representa um crescimento de 12,3% no lucro líquido. No entanto, teve uma redução de 0,2 ponto percentual na margem sobre o ano anterior. No 4T17, apresentou 43,8% de crescimento e uma expansão de 0,7 ponto percentual em relação ao 4T16.

resultados-raia-drogasil-03

 

Pontos NEGATIVOS:

– Margem bruta:

A margem bruta em 2017 atingiu 28,8%, uma redução de 0,8 ponto percentual em comparação a 2016. No 4T17, registramos uma margem bruta de 28,6%, uma redução de 0,2 ponto percentual contra o 4T16. A redução de margem bruta registrada no ano ocorreu, sobretudo em função da forte base de comparação de 2016, quando o reajuste anual de preços de medicamentos teve um pico histórico de 11,8%, versus um aumento de 3,1% em 2017.

resultados-raia-drogasil-04

– Despesas operacionais:

Em 2017, a empresa teve um aumento de 13,5% nas suas despesas operacionais em relação ao ano de 2016, totalizando R$ 2.857,7 milhões. No entanto, no ponto de vista positivo, este total representou 20,6% da receita bruta, obtendo uma diluição de 0,7p.p. comparado com 21,3% de 2016. Esta diluição das despesas foi justificada pela melhora no controle das despesas e de uma forte disciplina na execução por parte da empresa durante o ano.

 

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

 

– Endividamento:

A empresa encerrou o ano com uma dívida líquida de R$ 393,6 milhões versus R$ 182,6 milhões em 2016. A Dívida Líquida Ajustada sobre EBITDA foi 0,3x, sendo 0,1x maior quando comparada ao mesmo período do ano passado em função do investimento significativo realizado no ano. Uma relação “Dívida Líquida Ajustada sobre EBITDA“ ainda bem confortável.

– Retorno sobre o capital investido (ROIC):

A empresa registrou em 2017 um retorno sobre o capital investido (ROIC) de 19,7%, uma redução de 1,9 ponto percentual quando comparado a 2016, refletindo uma ligeira queda na margem operacional, uma aceleração nos investimentos e um crescimento do ciclo de caixa. É importante ressaltar que o seu ROIC é duramente penalizado pelo crescimento orgânico acelerado da RD, já que 35,6% das lojas tiveram a totalidade do investimento realizado, porém ainda não atingiram a maturação e o potencial de rentabilidade. A empresa espera que o ROIC se eleve conforme o portfólio de lojas amadurece.

resultados-raia-drogasil-05

resultados-raia-drogasil-06

 

 

 Conclusão sobre os resultados:

Fechando a semana de resultados de empresas de Varejo escolhi o case de RD Bem Estar e Saúde (antiga Raia Drogasil).

É interessante observar que a empresa cresceu a Receita Líquida em 17%, cresceu o Ebitda e o lucro líquido também em dois dígitos. Superou a expectativa de abertura de 200 lojas em 2017. A 4Bio cresceu sua receita em mais de 50% e  o que aconteceu com a ação?

Caiu mais de 6% já nesse período. Se observarmos o ano de 2018, a empresa caiu de R$ 92,00 para R$ 79,00, cabe ressaltar que em um momento que o próprio índice Bovespa (Ibovespa) subiu muito principalmente em Janeiro.

Isso acontece, porque a empresa negociava a mais de 60 vezes o Lucro dela. O valor da empresa significava o lucro de 60 anos caso o lucro fique estabilizado. Isso significa (desculpe repetir o verbo, mas não encontrei outro) que o mercado espera um crescimento muito grande dela, principalmente pelas aberturas de lojas e pela 4Bio, para compensar esse ágio excessivo.

Mas o que nós vimos nos resultados é que o crescimento do número de lojas da empresa, ao invés de trazer economia de escala, reduzindo seus custos percentuais e aumentando margens está ocorrendo o oposto. Em 2017, a margem bruta caiu 0,8% e a margem líquida se reduziu em 0,2%. Em um mercado de margens baixas como o Varejo de Forma geral, essa queda é muito relevante.

O ágio da empresa diminuiu e agora ela negocia a 50 vezes o lucro dela, o que na minha visão ainda é excessivo, até porque a empresa não está conseguindo gerar um acréscimo de valor ao acionista a partir do aumento de vendas e de receita.

Esta semana colocamos também os resumos de Via Varejo, empresa que saiu do prejuízo para o lucro. clique aqui.

Também fiz resumo de Magazine Luiza, companhia que cresceu as margens e que aumentou muito a participação no e-commerce, clique aqui.

Está com dificuldade de achar oportunidades? Quer receber recomendações sobre as melhores ações da Bolsa? Relatórios e Vídeos semanais de análise de empresas. Vire um Membro Gold, veja a tabela abaixo com todos os benefícios.

 

 Membro Bronze*Carteira ZMembro Gold
Carteira PEG SimSimSim
Carteira BarganhasSimSimSim
Carteira P/L abaixo da MédiaSimSimSim
Carteira DividendosNãoSimSim
Carteira GrahamNãoSimSim
Carteira Z (fundos de Investimentos)NãoSimSim
Carteira Dica de HojeNãoNãoSim
Radar de FIIS (NOVO)NãoNãoSim
Relatórios Dica de Hoje (ações + Fiis)NãoNãoSim
Vídeos Dica de HojeNãoNãoSim
HangoutsNãoNãoSim
Clique GratuitoR$ 179,90 anualR$ 359,90 anual

*As carteiras Membro Bronze podem ser modificadas sem aviso prévio, a qualquer momento.

 

Participei de um hangout na Modal e recomendei 5 ações para Março. Clique aqui  e veja essas ações

 

Abraços e Bons Investimentos!

Daniel Nigri (analista CNPI)

Com a ajuda de Leo Bittencourt

 

Disclosure

Elaborado pelo analista independente Daniel Isaac Nigri CNPI 1810, este relatório é de uso exclusivo de seu destinatário.

Este estudo é baseado em informações disponíveis ao público nos próprios sites de RI das empresas analisadas ou comparadas, consideradas confiáveis na data de publicação.

As opiniões, aqui expressas, estão sujeitas a mudanças, por se tratarem de estimativas baseadas em fundamentos e projeções de futuro que podem ou não ocorrer.

Este relatório não representa oferta de negociação de valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros.

As análises, informações e estratégias de investimento têm como único propósito fomentar o debate entre o analista responsável e os destinatários. Os destinatários devem, portanto, desenvolver as próprias análises e estratégias. (Caminhar com as próprias pernas e ter bom senso)

Informações adicionais sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros aqui abordados podem ser obtidas mediante solicitação, e serão arquivadas por 5 anos conforme determinação da CVM.

O analista responsável pela elaboração deste relatório declara, nos termos do artigo 17º da Instrução CVM nº 483/10, que as recomendações do relatório de análise refletem única e exclusivamente a sua opinião pessoal e foram elaboradas de forma independente.

O analista Daniel Isaac Nigri CNPI é o responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art. 16, parágrafo único da Instrução ICVM 483/10.