Se você não mantiver o controle, vai perder dinheiro.

0
134
Se você não mantiver o controle, vai perder dinheiro.

Se você não mantiver o controle, vai perder dinheiro.

“A glória assemelha-se ao mercado: por vezes, quando nos demoramos, os preços baixam.” Francis Bacon

Qual é o seu comportamento diante das circunstâncias diversas que surgem no mundo dos investimentos, principalmente de renda variável?

Não somente a reação ao cenário do mercado, mas também às situações que nós mesmos criamos, quando fazemos algo por impulso sem considerar racionalmente se é a melhor decisão.

 

Você já perdeu dinheiro por agir de uma determinada forma?

Se eu perguntasse a você qual seria sua reação ao investir em um negócio e, na mesma semana da compra, o preço da ação cai devido ao resultado trimestral, o que você diria?

Eu fiz essa pergunta há algum tempo a algumas pessoas, e as respostas foram as mais variadas possíveis. Acompanhe:

  • Entrei em pânico e vendi no prejuízo. Me arrependi, porque em poucas semanas ela recuperou, então comprei de novo.
  • Estudei o resultado e então decidi se era algo momentâneo ou uma tendência.
  • Mandei e-mail para o analista reclamando da análise que ele fez.
  • Realizei o prejuízo e desisti da renda variável.

 

Ainda é preciso esclarecer para algumas pessoas que:

Quando um resultado ou um fato relevante é divulgado, o primeiro passo é entender o motivo que levou a empresa àquela ótima, média ou péssima performance, porque isso ocorreu.

E, então, ter informações que reduzam o risco da decisão de compra ou venda.

Além de não ignorar os avisos só porque o grupo de WhatsApp ou Telegram acha aquele um ativo EXCEPCIONAL. Ou porque um youtuber famoso fez um vídeo resumindo: a receita, o ebitda e o lucro.

Fique atento à regulamentação do setor e nunca invista tudo em algo só porque a propaganda faz do ativo –

O MELHOR ATIVO DE TODOS OS TEMPOS, A REVERSÃO, A INVENÇÃO DA RODA, OU SIMPLESMENTE POR SER O MAIOR, e esse fato o deixaria imune a qualquer risco.

entender é manter o controle

Sem controle você vai perder dinheiro.

Na situação que um ativo apresenta prejuízo ou queda no lucro por mais de um trimestre e ele está na sua carteira com um preço médio acima da cotação atual:

qual sua atitude? Se você tem CIEL3 na carteira há algum tempo, use como exemplo:

  • Fiquei feliz no início e depois entrei em pânico, comprando mais e mais e mais e mais para “baixar o preço médio”, e digo a todos que aquilo não é importante, na tentativa de tranquilizar a mim mesmo, e fico brincando por meses de “pegar a faca caindo”.
  • Analisei os resultados e calculei o preço justo do ativo, de acordo com as novas projeções micro e macro, então decidi a estratégia de manter e aportar, somente manter, ou vender.
  • Vendi tudo no prejuízo (depois de ter feito muito PM).
  • Reclamei em todos os grupos de WhatsApp que disseram que era uma boa compra.
  • Ou você é daqueles que acredita que os prejuízos ou quedas no lucro não significam nada, resultado de empresa é mágica, basta querer e acontece, então vamos torcer que tudo vai dar certo?

perdeu o controle e dinheiro

O investidor que não está preparado, que não tem estratégia, acaba simplesmente vendendo no pânico ou então compra mais, baixando o preço médio (a cada R$1,00 de queda).

Acreditando que será salvo por algum milagre, quando na verdade acaba sofrendo mais tempo que o necessário e vai afundar do mesmo jeito.

Ou seja, vende no prejuízo após investir tudo o que tinha nele, ou fica com o prejuízo na carteira sem remuneração e com perda de valor substancial. “Sem controle você vai perder dinheiro”

 

Informação é dinheiro, mas veja bem.

É preciso filtrar as informações que fazem sentido e que são extraídas de dados confiáveis e que possam ser usadas em conjuntos com outras variáveis a respeito do case/negócio/empresa.

Não basta apenas ler a chamada da matéria da revista/jornal e decidir a estratégia somente com essa informação.

Ou ficar o dia todo no WhatsApp buscando alguém que pense como você, para justificar a sua decisão. E mais uma vez você vai perder dinheiro.

“Quão mais certo você acha que está, mais chato você fica”

 

Analise e Compare

Leia o ITR, analise e compare os números com os pares e com o mercado do segmento em conjunto.

Veja se algo mudou nos fundamentos e então decida o que fazer, sempre de acordo com a sua estratégia, seja ela de crescimento, geração de renda, ativos de maior risco ou um combinado de todos eles.

E em qualquer análise de médio/longo prazo, analise também os gestores do negócio, as estratégias antes que resultem em números.

Afinal, o que caracteriza a competência são a integração e a coordenação de um conjunto de habilidades, conhecimento e atitudes que na sua manifestação produzem uma atuação diferenciada.

Essas ações são estratégicas e têm como objetivo traçar ações que minimizem o efeito da competição e maximizem seus próprios resultados.

E análise qualitativa busca encontrar no mercado um posicionamento estratégico que permite estar à frente de seus pares, e só uma boa gestão é capaz de fazer isso.

 

Muitas pessoas dizem que é impossível saber dessas coisas.

Na verdade não é impossível, pois não diz respeito a estar dentro da empresa, mas ter bom senso e conhecimento para analisar e concluir se faz sentido o planejamento com os retornos estimados.

Então, caso você não conheça o setor, converse com alguém que entenda, pesquise, envie e-mail para o RI, pesquise os gestores em seus trabalhos anteriores, seu desempenho, etc.

O que não faz sentido é colocar o seu dinheiro em algo que você não conhece, e mais risco ainda é colocar todo seu dinheiro em um único ativo ou um único setor, só porque agora está tudo bem.

Não esqueça que negócios são dinâmicos e passam por ciclos, porém só sobrevivem se existir uma boa gestão que entende a necessidade de estar sempre atento às exigências e mudanças do mercado consumidor.

Afinal, se dependêssemos apenas de mentes pequenas, eu ainda estaria datilografando esse texto e você provavelmente o receberia pelo correio, ou quem sabe, por fax.

Nosso objetivo é que você se torne um investidor consciente de suas responsabilidades e escolhas, que tenha acesso às ferramentas e consiga entender que investir pode ser uma forma de melhorar a vida financeira.

Mas que se não soubermos o que estamos fazendo, ou nosso ego ocupar muito espaço nessa relação, as chances de você perder dinheiro são enormes.

E isso não é uma questão de opinião.

 

“A esperança seria a maior das forças humanas, se não existisse o desespero.”

Victor Hugo

Informação é dinheiro.

Até a próxima semana.

 

Patrícia Rossari

Analista de Negócios – Logística