Tiradentes e a Bolsa: elas têm algo em comum

0
43
tiradentes-cidade-mineira

 

Como muitos de vocês devem saber, chegou o período das férias escolares e coloquei a minha carteira de viagens que se iniciou em 2008 para funcionar. Parte dos dividendos e dos rendimentos me trouxeram com a minha família para o interior de Minas Gerais, mais precisamente a cidade de Tiradentes.

Sim, uma viagem com menos ostentação dessa vez, mas uma das que eu queria muito fazer e já vinha adiando há uns 4 anos. Uma viagem muito mais cultural que qualquer outra coisa.

 

Minas Gerais e a Bolsa

Um pouco da história de Minas Gerais se parece com o momento atual das pessoas físicas na bolsa. Todos sabemos que nos últimos 3 anos, o número de investidores pessoas física, cresceram muito, principalmente com as altas que já somam mais de 160% desde a mínima em Janeiro/2016.

 

Em um dos passeios que fomos, pegamos uma charrete e entramos no Museu “Casa de Padre Toledo”, um dos melhores da Região na minha opinião, na cidade de Tiradentes ainda. Lá lemos um pouco sobre a chegada de um grande contingente populacional em regiões muito pequenas de Minas Gerais e sem infraestrutura por dois motivos principais

 

  • Chance de Riqueza fácil
  • Descoberta do Ouro em Minas Gerais

 

minas-gerais-chegada-de -pessoas

 

Esse movimento ocorreu no final do século XVI e início do século XVIII, o que levou a localidade que aqui estou a ser elevada ao status de Vila de São José Del Rey (não confundir a com a vizinha São João Del Rei).

 

Mas, Daniel o que isso tem a ver com investimentos?

 

investimentos-o-que-ter-a-ver

 

Se você não percebeu, isso tem a ver com a natureza humana. O homem desde sempre procura o caminho mais fácil para resolver seus problemas. E com a riqueza não poderia ser diferente. O Homem pensa apenas no que pode ganhar (rentabilidade) e não olha a possibilidade de risco.

 

Então, pessoas completamente despreparadas, vieram de São Paulo, do litoral e de além-mar, para tentar a sorte e ganhar o sonho da riqueza fácil, na terra que “emanava ouro”. Muitos destes morriam (assim como muitos desistem no primeiro ano na Bolsa).

 

Tiradentes e a Bolsa

Dentre as principais dificuldades dos homens despreparados que vinham para Minas Gerais, para Tiradentes em busca do ouro estavam dormir ao relento, ataques de animais selvagens, doenças, cozinhar o que tinha a mão e com os utensílios que podia carregar, dentre outras…

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

 

Já na Bolsa de Valores, pessoas deslumbradas com o sonho da riqueza fácil, associada às inúmeras propagandas de ganhos estratosféricos migram para um investimento que não possuem conhecimento algum. Por isso vemos a proliferação de tantas empresas que nem registro na CVM possuem e que prometem ganhos de 1% ou 2% ao dia. Outras prometem ganhos em ações que subiram 500%, 1000%, 2000% ou até 10000%.

 

O que eu quero dizer é que os homens do século XVIII, que não tinham conhecimento e nem estratégias próprias para lidar com o ouro têm muito em comum com os homens de 2016 a 2019 que estão entrando na Bolsa de Valores.

 

O grande problema de ambos é que inverteram e invertem, até hoje, o processo natural das coisas. A pessoa estuda 4 a 6 anos para se formar em alguma especialidade e daí consegue trabalhar para ganhar dinheiro, mas na Bolsa de Valores, ela quer ganhar dinheiro já no primeiro dia!

 

É preciso investir tempo e dinheiro

 

tempo-e-dinheiro

 

Primeiro devemos aprender sobre qualquer coisa que queremos fazer na nossa vida e depois colocamos em prática, ganhamos experiência, e com isso ficamos cada vez melhores. Os investidores atuais, estão subvertendo essa ordem, que deveria ser natural. Querem ganhar dinheiro seguindo apenas dicas ou informações de grupos de whatsapp ou de um guru, mas sem nenhum conhecimento prévio.

 

Cada vez mais, vejo investidores que estão funcionando igual a um “cachorrinho” que fica correndo atrás do rabo, que mesmo com a alta forte estão com dificuldades de fazer dinheiro, e que vendem qualquer ativo com ganhos de 15% a 25% e mantém posições perdedoras, mesmo após quedas de 50% ou mais.

 

O preço que você paga por não querer aprender é o maior de todos. O seu Futuro e o de sua Família. Duas ações caem 50% na sua carteira, uma delas pode ser venda, porque realmente seus resultados pioraram e as projeções não são boas, enquanto outra pode estar se tornando a melhor compra do ano. Para saber distinguir as duas você necessita de conhecimento.

 

Concluindo

Neste mês de Agosto estaremos lançando o curso Geração de Renda com Investimentos em que eu ensino as estratégias de Tesouro Direto, Fiis e Ações que eu utilizo nessa carteira de viagem, que trouxe a mim e a minha família para Minas Gerais, e que vai nos levar em Setembro para Grécia e Israel. Uma carteira que se iniciou em 2008 e que há 6 anos garante pelo menos uma viagem internacional para 5 pessoas.

Muito em breve abriremos uma nova turma para o Curso Geração de Renda com Investimentos. Clique aqui e seja um dos primeiros a saber!

 

Abraços e Bons Investimentos