Porque o dólar nunca está caro, mas você sempre acha que está?

Uma das frases mais comuns de se ouvir do investidor brasileiro é: “Quando o dólar der uma baixada eu compro.”

 

O problema é que essa decisão quase sempre é fruto de um viés cognitivo muito famoso chamado Efeito de Ancoragem. Lojistas usam esse viés o tempo todo para induzir os consumidores a achar que estão pagando mais barato. Quer um exemplo?

 

Qual o intuito desse tipo de cartaz? Simples, você bate o olho e vê que a calça jeans está por quase metade do preço, ou seja, é uma grande oportunidade para levar uma.

 

Agora, quem disse que esses R$139 são verdadeiros? Você normalmente não sabe quanto a calça custava um dia antes do cartaz ser colocado. Mesmo assim, a maioria das pessoas cai nesse tipo de oferta.

 

E não porque são pouco inteligentes, mas porque somos seres humanos e, portanto, somos falhos.

 

A mesma coisa acontece com o dólar. O preço do dólar está sempre oscilando e, muitas vezes, só é noticiado quando ele atinge algum patamar que assusta as pessoas. Porém, o preço que assusta nada mais é do que um preço maior àquele o nosso cérebro estava ancorado.

 

Em 2015, por exemplo, quando o dólar ultrapassou os R$ 3, muitas pessoas ficaram apavoradas e investidores achavam que a moeda norte-americana estava caríssima.

 

Quando a crise se agravou e ele passou de R$ 4, o mesmo aconteceu.

 

 

Quando passou dos R$ 4,50, aconteceu de novo.

 

 

E, claro, quando passou dos R$ 5 (memória mais recente), o desespero tomou conta do país.

E quando quase chegou a R$ 6? Nossa, que medo.

Do último ano pra cá, o dólar saiu de R$ 4,80 para R$ 5,50. Na cabeça das pessoas, ficou caro, né? Afinal, subiu muito.

Entretanto, será que elas não estão sendo vítimas do mesmo viés que comentamos anteriormente? Ancoraram os R$ 4,80 e agora os R$ 5,50 parecem caríssimos? E se o dólar em 2023 custasse R$ 6,50 e caísse para R$ 5,50? Provavelmente estariam comprando aos montes, não?

Resumo da história:

 

  • Quando o dólar bateu R$3,00 em 2015, todos achavam caro.
  • Quando o dólar bateu R$4,00 em 2019, todos achavam caro.
  • Quando o dólar bateu R$5,00 em 2020, todos achavam caro.
  • Agora o dólar está R$5,50 e todos acham caro.

 

Ou seja, o dólar nunca está caro. Caro é o dólar que você não tem.

 

Grande abraço,

João Pedro Mello

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é unnamed-22.jpg

Veja as possibilidades de planos

Você pode ter acesso a todas as carteiras de ações e todas as análises, vídeos e etc, Tudo isso  nos Planos Combo ou Ações

Pagina com os planos de assinatura

ASSINATURAS

CURSOS

INSTITUCIONAL

LEGAL