Quais são os Seus Objetivos Financeiros?

objetivos

Quais São os Seus Objetivos Financeiros?

Engraçado, mas esta simples pergunta é que mais traz dificuldades de respostas nos emails que recebo e nas consultorias que eu presto.

 

Você já parou para pensar nisso?

 

Você investe para poder se casar, ou para poder pagar sua faculdade, pagar suas férias de fim de ano, comprar um carro novo, ou apenas se mudar e parar de pagar aluguel?

Vejam que todos esses são objetivos que normalmente, realizamos no curto prazo. E por isso, demandam investimentos que necessitam prazos mais curtos. Nos investimentos de prazos mais curtos, você deve reduzir o seu risco, porque se você perder 20% do dinheiro aplicado, você não tem o longo prazo para recuperar. Portanto, se o seu objetivo é qualquer coisa nos próximos 2 anos, evite Bolsa de Valores e evite títulos do Governo muito longos, como o Tesouro Pré 2025, ou o IPCA 2035 e o IPCA 2045.

Outro dia, inclusive uma menina mandou um e-mail, dizendo que queria investir para poder juntar mais dinheiro e casar ano que vem com seu noivo e queria saber quais eram as melhores ações naquele momento para esse objetivo.

 

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

As Ações no foco

Vamos guardar essa pergunta e pensar por um momento o que são ações. Ações são a menor parte do capital social de uma companhia de capital aberto na Bolsa de Valores. Portanto, ao comprar ações, você está se tornando sócio de uma empresa e passará a ganhar parte de seus lucros na forma de dividendos, além da valorização das ações, caso a empresa permaneça com bons resultados e o mercado entenda dessa forma. Mas também pode ocorrer o oposto, e você não receber nenhum dividendo se a companhia gerar prejuízo e você pode ver seu capital diminuir caso as perspectivas e os resultados da sua empresa piorem.

Eu sei, que para muitos o mercado de ações é emocionante, pela possibilidade de ganhar muito dinheiro em pouco tempo, mas vamos pensar em uma companhia. Quantas delas conseguem crescer seus lucros a taxas de 40% ao ano por mais de 10 anos seguidos? Acredito que nenhuma no Brasil. Nos Estados Unidos, talvez a Amazon tenha conseguido em algum período. Portanto, por mais que vejamos muita volatilidade nos preços das ações, no longo prazo, o mercado é lento. Olhe o gráfico abaixo de CCR (CCRO3):

objetivos

Gráfico do ProfitChart Pro

Um investidor que comprou as ações de CCR, em Janeiro de 2005, há 13 anos e meio atrás e reinvestiu todos os dividendos e juros sobre capital próprio na empresa, tem um custo associado à compra de R$ 1,82. Hoje a ação vale R$ 10,12, ou seja, houve uma valorização de  456% no período, o que parece bem expressivo, mas esta valorização significa uma taxa anual composta de apenas 11,90%. Isto significa que CCR rendeu o equivalente a uma aplicação que tenha 11,90% ao ano de rendimento.

Mas, veja que diferente da Renda Fixa (CDB, LCI ou LCA), ou da Poupança as valorizações destoam muito. Neste período tiveram anos com valorizações superiores a 120% como em 2006, e tivemos desvalorizações superiores a 40% como nos últimos 12 meses.

Por isso que, eu e todos os educadores financeiros mais sérios falamos que a Bolsa é um investimento para longo prazo. E então, eu sou obrigado a responder pra menina que quer casar que nenhuma das ações é boa para o objetivo dela de casar no ano que vem. Ela está pensando da forma certa, ou seja, ela quer investir para crescer o patrimônio, mas da forma errada (com a Bolsa de Valores).

O exemplo em CCR foi proposital, para mostrar que até mesmo boas empresas, com bons fundamentos e lucros constantes e crescentes podem ter grandes desvalorizações em um período curto de tempo como são 12 meses. ( O tempo que ela tem até o casamento). Vejam na imagem abaixo os lucros da empresa e como seus fundamentos são sólidos.

objetivos

Viram, como a taxa de crescimento dos lucros no longo prazo de 12,2% ao ano, é muito próxima a que encontramos para o preço da ação de 11,9%? Por isso, falamos que no longo prazo o preço das ações acompanham os fundamentos da empresa.

Quando olhamos mais de 10 anos, vemos nitidamente que quando os lucros sobem a ação sobe (exemplo de CCR), quando os lucros ficam estáveis o preço da ação fica estável (exemplo de Copel), e quando os lucros caem e viram prejuízo as ações podem chegar a perder todo o Valor de mercado (exemplo de PDG que já perdeu mais de 99% após a máxima).

 

Quero deixar uma última pergunta antes da Conclusão:

 

Imagina se eu falo que a melhor ação no momento é a XYWZ3 para a menina por causa dos fundamentos sólidos e daqui a 12 meses quando ela precisar do dinheiro a ação perdeu 40% como ocorreu com CCR?

 

Conclusão:

Ajuste os seus objetivos aos prazos dos seus investimentos. É normal que as pessoas tenham objetivos e planos de curto, médio e longo prazo. Para os seus planos de curto prazo, aqueles que você planeja realizar em até dois anos não aloque nada do seu capital em ações, mesmo que você perca uma grande rentabilidade. Pense sempre primeiro no risco que você está correndo.

Para os seus objetivos de médio prazo e de longo prazo, você já pode alocar em Renda Variável (Ações e Fiis), sabendo que a medida que o tempo for passando, e o médio prazo passe a ficar menor de 24 meses, ou seja, vire curto prazo, migre aos poucos para investimentos de menor risco, reduzindo gradativamente o percentual em Renda Variável, principalmente se você estiver passando por um período de alta da Bolsa e já tenha tido uma boa valorização dos seus ativos.

Não descubra da pior forma, como ocorreu recentemente, que a Bolsa não sobe para sempre. O custo de manter em Renda Variável, investimentos para objetivos de curto prazo é a não realização ou o adiamento dos seus planos e objetivos de vida. Na minha visão é uma relação risco x retorno desfavorável.

 

Os meus sonhos estão sempre em primeiro lugar.

 

Baixe o e-book Gratuito “Guia da Independência Financeira” que certamente irá lhe ajudar a controlar os seus nervos e o seu emocional para investir de forma saudável na Bolsa, clique aqui.

Torne-se assinante da Área de Membros Dica de Hoje antes do aumento, até 10/07/2018, clique aqui. Quem já é assinante pagará o mesmo valor nas renovações, não se preocupem. O aumento será apenas realizado para novos assinantes a partir de 11/07/2018.

Abraços e Bons investimentos.

Daniel Nigri – Analista CNPI.