Eternit : Resumo dos Resultados de ETER3 do 3T18

0
197
eternit-capa

 

Eternit : Resumo dos Resultados de ETER3 do 3T18

Eternit (código Bovespa: ETER3)

RESUMÃO – Resultados 3T18:

(Data de divulgação: 14/Novembro/2018)

(Dados retirados do site de RI)

 

– Recuperação Judicial e Cenário Econômico:

A Eternit se encontra em Recuperação Judicial, que é uma medida preventiva a fim de resguardar a operação da companhia, garantir a continuidade do seu processo de reestruturação e permitir a perenidade de suas atividades. A medida foi uma maneira de se antecipar a uma eventual situação em que obrigações financeiras não pudessem ser cumpridas, inviabilizando a sua operação. Os esforços da companhia continuam centrados na recuperação da margem operacional, na busca contínua de redução de custos e despesas operacionais, além de uma adequada precificação de seus produtos visando uma melhor rentabilidade de acordo com seu plano de reestruturação.

A Economia segue em processo de recuperação: com recuos do desempenho das indústrias, retração nos gastos com investimentos e a desaceleração do consumo das famílias. Em relação à construção civil, o Copom ressaltou que as restrições fiscais e estoques ainda elevados de imóveis novos continuam limitando a recuperação consistente deste segmento. Estes aspectos afetaram a demanda pelos produtos da Eternit e impactaram negativamente suas operações.

 

Pontos POSITIVOS:

– Custos dos Produtos e Mercadorias Vendidos e dos Serviços Prestados:

Os custos dos produtos e mercadorias vendidos e dos serviços prestados ajustado totalizaram R$ 122,2 milhões no 3T18, representando uma redução de -5,7% em relação ao 3T17. No acumulado 9M18, esses custos ajustado totalizaram R$ 312,5 milhões, 10,8% abaixo do 9M17. Essa redução de custos é o resultado de uma combinação de fatores tais como a queda do volume vendido de Eternit, alterações no processo de produção de telha de fibrocimento, adequação de capacidade industrial para a demanda de mercado (ociosidade das plantas que operaram de forma parcial) e pressões de custos decorrentes de inflação. Como consequência, do ponto de vista negativo a margem bruta ajustada retraiu 10 p.p., encerrando o período acumulado 9M18 em 20%.

eternit

 

– Despesas Operacionais:

Apesar do maior volume de provisão de contingências tributárias e trabalhistas, a Eternit apresentou no 3T18 uma redução de 11,0% nas despesas operacionais ajustada em relação ao 3T17, fruto de um programa de redução do SG&A aliado a queda das comissões e das despesas variáveis de vendas. As despesas operacionais ajustada no acumulado 9M18 totalizaram R$ 115,3 milhões, representando uma redução de 12,1% frente ao 9M17, reflexo da redução das vendas, adequação da estrutura comercial e administrativa e, menores gastos com indenizações trabalhistas e cíveis.

eternit

 

 

Quer ter acesso a nossas carteiras de Ações?

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente e conheça as carteiras da Área de Membros!

 

Pontos NEGATIVOS:

 

– Vendas:

-Telhas de Fibrocimento:

As vendas de fibrocimento no 3T18 foram de 127,4 mil toneladas, 24,6% menor que o 3T17. O desempenho foi marcado pela menor disponibilidade de produtos decorrente da transição de amianto para fibra sintética, mudança da tabela de frete e fatores econômicos. Do ponto de vista positivo, podemos ver uma melhora na comparação do 3T18 com 2T18, com aumento de 25,4% nas vendas de Eternit.

 

 – Telhas de Concreto:

O volume vendido no 3T18 foi 17,3% menor em relação ao 3T17, em função da menor participação no canal B2B para o Programa Federal Minha Casa Minha Vida (“MCMV”), além dos fatores econômicos. Eternit espera uma melhora no volume de vendas, por meio do canal B2C, a médio prazo em função da reestruturação do programa “Clube de Arquitetos”, bem como a retomada de obras do MCMV por meio das construtoras. Do ponto de vista positivo, podemos ver uma melhora na comparação do 3T18 com 2T18, com aumento de 11,3% nas vendas.

eternit-04

 

 – Mineral Crisotila:

No 3T18, o volume vendido do mineral crisotila atingiu 28,4 mil toneladas, 5,3% menor em relação ao 3T17, impactado pela menor utilização do amianto na fabricação de telhas no mercado interno. As vendas no mercado de exportação registraram um aumento de 6,1% impulsionadas por ações comerciais específicas.

eternit-05

 

– Receita Operacional Líquida:

No 3T18, a receita líquida de Eternit ficou em R$ 141,7 milhões, redução de 16,5% comparado com 3T17. A queda das vendas em volume foi de 22,1% no mercado interno, neutralizando os efeitos de reposicionamento de preço de telhas de fibrocimento e amianto. No mercado externo, a receita apresentou aumento de 6,3% na comparação com o 3T17, reflexo do maior volume de vendas e apreciação de 24,9% do dólar frente ao real, neutralizado parcialmente pela redução do preço em dólar.

eternit-06

 

 – EBITDA:

No 3T18 o EBITDA ajustado foi -R$ 15,8 milhões, em função da baixa utilização da capacidade industrial e retração das vendas. Como consequência, a margem EBITDA ajustada diminuiu 19 p.p. quando comparada ao 3T17 e encerrou o trimestre em -11%, no entanto vale ressaltar que houve melhora de 5 p.p. frente ao 2T18. Para minimizar os impactos negativos no EBITDA, a Eternit mantém o processo de redução do SG&A para adequar a sua estrutura ao novo momento, como demostramos anteriormente.

eternit-07

 

 – Prejuízo Líquido:

No 3T18 a Eternit registrou prejuízo líquido ajustado de -R$ 39,5 milhões, em função dos aspectos comentados no EBITDA, apesar da melhoria do resultado de equivalência patrimonial. A margem líquida ajustada reduziu 22 p.p. e encerrou o período em -28%.

eternit-08

 

– Endividamento:

A Eternit encerrou o 3T18 com uma dívida bruta de R$ 120,7 milhões, aumento de 23,8% frente a dezembro de 2017. Deste montante, R$ 41,2 milhões refere-se ao novo endividamento obtido após o pedido de Recuperação Judicial para fomentar as operações do Grupo Eternit, a parcela de R$ 79,5 milhões será amortizada nas condições previstas no plano da Recuperação Judicial. Em 30 de setembro de 2018, as disponibilidades da Eternit eram de R$ 23,6 milhões contra R$ 28,8 milhões de dezembro de 2017.

eternit-09

 

 – Grupamento de Ações:

A companhia recebeu em 30/04/2018, um ofício enviado pela B3, informando que, no período de 16/03/2018 à 27/04/2018, as ações de emissão da companhia permaneceram cotadas abaixo de R$ 1,00 por unidade, o que configura descumprimento do item 5.2f do Regulamento para Listagem de Emissores e Admissão à Negociação de Valores Mobiliários e itens 5.1.2 e 5.2 do Manual do Emissor da B3. Diante deste fato e em cumprimento ao determinado pela B3, a companhia realizou, no dia 27/09/2018, Assembleia Geral Extraordinária que aprovou o grupamento da totalidade das 179.000.000 ações ordinárias na proporção de 6 ações ordinárias para 1 ação ordinária, sem modificação do valor do capital social.

eternit-1

 

Conclusão sobre os resultados:

Confesso que fico muito triste de escrever sobre Eternit nessa situação de recuperação judicial. Como vocês devem saber sou investidor em Bolsa de Valores desde 1999, quando comprei minhas primeiras 23 ações da antiga VALE5 no mercado fracionário. Uma das primeiras ações que eu comprei foi Eternit, e as mantive por 15 anos. Até o ano de 2015. Consegui surfar uma alta que pode ser observada no gráfico de mais de 2000% no período. Acredito inclusive que essa até hoje ainda foi a ação que eu mais ganhei dinheiro na bolsa como um todo.

eternit-11

 

A minha venda ocorreu em Agosto/2015, após 4 trimestres seguidos de quedas de lucros com aumento de endividamento, e a companhia mantendo os dividendos no limite máximo ao invés de tentar reverter a situação.

Hoje, a companhia possui uma situação delicadíssima como foi vista acima com vários pontos negativos. Apesar da melhora da economia e do setor de construção as Receitas de Eternit seguem em baixa. As margens em queda, e a companhia não consegue inverter a situação de prejuízo e dívida líquida crescente.

No entanto, o principal ponto que me chama atenção é o que não aparece no balanço e sim, uma possível perda que a companhia pode ter na justiça e que como consta nos rodapés das notas explicativas não estão provisionadas. São ações principalmente pela utilização de amianto por muito tempo, mesmo após ser descoberto e comprovado que era um produto cancerígeno, principalmente para os funcionários e colaboradores da companhia.

eternit

Perdas possíveis

Estes valores de perdas possíveis e não provisionados montam a valores superiores a R$ 700 milhões. O patrimônio líquido atual da companhia é de R$ 81 milhões, sendo que o total de ativos é de R$ 600 milhões. Ou seja, caso essas indenizações sejam convertidas em perdas prováveis e necessitem ser provisionadas é praticamente game-over para a empresa. Em uma situação dessas não tem o que calcular de preço justo porque você perde uma das principais características para a precificação que é a perpetuidade.

Confira também os resultados de Itaúsa do 3T18.

Está com dificuldade de achar oportunidades? Quer receber recomendações sobre as melhores ações da Bolsa? Relatórios e Vídeos semanais de análise de empresas. Clique aqui e vire um Membro Gold (pagando menos de R$1,25 por dia!) Lembrando também que MUITO EM BREVE, iremos lançar a Turma II do Curso Geração de Renda com Investimentos. Para entrar para lista de espera e receber todas as informações com antecedência, CLIQUE AQUI.

Veja a tabela abaixo com todos os benefícios:

Membro BronzeCarteira ZMembro Gold
Carteira PEG NãoSimSim
Carteira BarganhasSimSimSim
Carteira P/L abaixo da MédiaSimSimSim
Carteira DividendosNãoSimSim
Carteira GrahamNãoSimSim
Carteira de GreenblattNãoSimSim
Carteira P/VP x ROENãoSimSim
Carteira Z (fundos de Investimentos)NãoSimSim
Carteira Dica de HojeNãoNãoSim
Dados de empresaSimSimSim
Relatórios Dica de Hoje (ações + Fiis)NãoNãoSim
Resultados de Empresas com cálculo de preço justoNãoNãoSim
Panorama de AçõesSimSimSim
Radar de FIIsNãoNãoSim
Vídeos Dica de HojeNãoNãoSim
HangoutsNãoNãoSim
Descontos em CursosNãoNãoSim
Clique GratuitoR$ 239,90 anualR$ 447,00 anual

*As carteiras Membro Bronze podem ser modificadas sem aviso prévio, a qualquer momento.

Para informações sobre o Curso de opções Dica de Hoje, clique aqui.

Abraços e Bons Investimentos!

Daniel Nigri (analista CNPI)

Com a ajuda de Leo Bittencourt

Disclosure

Elaborado pelo analista independente Daniel Isaac Nigri CNPI 1810, este relatório é de uso exclusivo de seu destinatário.

Este estudo é baseado em informações disponíveis ao público nos próprios sites de RI das empresas analisadas ou comparadas, consideradas confiáveis na data de publicação.

As opiniões, aqui expressas, estão sujeitas a mudanças, por se tratarem de estimativas baseadas em fundamentos e projeções de futuro que podem ou não ocorrer.

Este relatório não representa oferta de negociação de valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros.

As análises, informações e estratégias de investimento têm como único propósito fomentar o debate entre o analista responsável e os destinatários.

Sugestão aos destinatários

Os destinatários devem, portanto, desenvolver as próprias análises e estratégias. (Caminhar com as próprias pernas e ter bom senso)

Informações adicionais sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros aqui abordados podem ser obtidas mediante solicitação, e serão arquivadas por 5 anos conforme determinação da CVM.

O analista responsável pela elaboração deste relatório declara, nos termos do artigo 17º da Instrução CVM nº 483/10, que as recomendações do relatório de análise refletem única e exclusivamente a sua opinião pessoal e foram elaboradas de forma independente.

O analista Daniel Isaac Nigri CNPI é o responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art. 16, parágrafo único da Instrução ICVM 483/10.