Estrategistas, falaremos hoje de uma interessante estratégia chamada de Big Lizard ou Grande Lagarto, ela faz parte de um grupo de estratégia da família Lizard. A Big Lizard é uma combinação de short straddle com compra de call. A seguir vamos detalhar as suas características.

CARACTERÍSTICAS:

A montagem da estratégia é feita com: venda de opção callI ATM (at the Money) ou no dinheiro, ou seja, com strike (preço de exercício) próximo ao preço atual do ativo-objeto, venda de opção put também ATM, ambas devem possuir o mesmo strike, e compra de call OTM (out of the Money) ou fora do dinheiro com strike superior. Sendo que todas as opções envolvidas na montagem devem possuir o mesmo vencimento e serem referentes ao mesmo ativo-objeto (ação). O valor recebido pela venda da call e da put tem que ser maior que a diferença dos strikes entre as opções vendidas e call OTM comprada. Tudo ficará mais claro mais adiante quando formos parametrizar a Big Lizard.

A exposição ao risco é semelhante à da estratégia Seagull, já que no caso de uma queda do ativo-objeto, o investidor precisa honrar o compromisso referente às puts vendidas.

Big Lizard é considerada uma operação net creditou seja, o investidor ao montá-la recebe um recurso que será o seu ganho máximo (mas é preciso descontar os custos operacionais e o imposto de renda).

Mesmo sendo uma operação net credit, muitas corretoras cobram do investidor que se tenha a chamada margem de garantia, para honrar eventual exercício da put vendida. Portanto, o estrategista precisa ter em sua conta na corretora: renda fixa (títulos públicos, CDB, LCI, LCA etc.) e/ou ações de outras empresas e/ou saldo disponível em conta etc. Isso é para caso do ativo-objeto desta operação se desvalorizar demais e o investidor for exercido na put. Como foi a venda de uma opção de venda ele terá que comprar o ativo-objeto no strike dessa put. Então, a margem de garantia é exigida para o investidor poder honrar o compromisso em caso de exercício.

CENÁRIO DESEJÁVELo racional na Big Lizard é sua estrutura ser montada quando esperamos que o mercado fique lateralizado, ou seja, sem grandes variações no preço do ativo-objeto, ou que apresente subida (mas o primeiro cenário é mais vantajoso, conforme veremos no gráfico de payoff). Caso o mercado suba demais, nosso ganho ficará abaixo do valor recebido na montagem. Agora, se o mercado cair demais, teremos prejuízos e seremos obrigados a comprar o ativo-objeto por um preço maior que o praticado no mercado à vista devido a venda da put.

PARAMETRIZAÇÃO E EXEMPLO (FINS DIDÁTICOS):

Ativo-objeto: GOLL4

Cotação Referência: R$ 24,90 do dia 18/06/21

Opção Call ATM GOLLG250 – Strike R$ 25,00; opção no dinheiro.

Opção Put ATM GOLLS350 – Strike R$ 25,00; opção no dinheiro.

Opção Call OTM GOLLG260 – Strike R$ 26,00; opção fora do dinheiro.

*Todas as opções acima com vencimento dia 16/07/21.

Custo de montagem: Nessa montagem o investidor receberá R$ 1.760,00 que também é o lucro máximo da operação, portanto é uma operação net credit conforme já citamos anteriormente.

Risco da Operação conforme exemplo: para o caso de GOLL4 estar abaixo de R$ 23,20, seríamos exercidos na put vendida. Então precisaríamos desembolsar: 1.000 x R$ 23,20 = R$ 23.200,00, referentes à compra de 1.000 ações da GOLL4 no strike da put vendida.

PAYOFF DA OPERAÇÃO:

Vejamos o gráfico de payoff da Big Lizard:

O lucro da operação fica limitado e constante a R$ 760,00 se GOLL4 estiver cotado a R$ 26,13 (4,94% de valorização) ou mais no dia do exercício.

Breakeven (zero a zero da operação): o investidor terá resultado zero se no dia do exercício GOLL4 estiver cotado a R$ 23,25 (uma desvalorização de 6,62% em comparação ao preço no dia da montagem: R$ 24,90).

Lucro máximo: como citamos anteriormente, o lucro máximo é o da montagem da operação: R$ 1.760,00, ocorrerá se GOLL4 estiver cotado a R$ 25,00 no dia do exercício das opções.

Prejuizo máximo teórico: ilimitado, pois uma ação teoricamente poderá se desvalorizar até valer R$ 0,00. Mas quais as chances de isso ocorrer no curto prazo com uma companhia sólida como a Gol Linhas Aéreas?

A operação começará a dar prejuízo se GOLL4 estiver cotado a R$ 23,24 (6,66% de desvalorização) ou menos no dia do exercício das opções.

Lucro mínimo: teremos um lucro mínimo se GOLL4 estiver cotado a R$ 23,26 (6,58% de desvalorização do ativo-objeto) ou mais no dia do exercício das opções.

Observações: se formos exercidos nas puts teremos o ativo-objeto em nossa carteira, e assim podemos realizar uma nova operação com o ativo-objeto, como por exemplo uma venda coberta de call com a finalidade de rentabilizar e assim compensar eventual prejuízo; ou ainda podemos rolar as opções para um próximo vencimento e assim evitar de sermos exercidos.

Vantagens e desvantagens do Big Lizard: a principal vantagem da estratégia é receber um recurso em sua montagem, é uma das estratégias ideais para o cenário lateralizado e ativo-objeto de empresas sólidas. Outro ponto positivo é que mesmo que o ativo-objeto passe por uma valorização excessiva teremos ganho, mesmo que limitado. A relação risco/retorno é interessante, visto que para começar a ter prejuízo na maioria das vezes o ativo-objeto tem que se desvalorizar mais de 5%.

A desvantagem conforme já citamos é que limitamos o lucro da estratégia em sua montagem, mesmo que o ativo-objeto se valorize excessivamente enquanto as opções ainda tiverem validade. Outra desvantagem é que se formos exercidos na put, iremos ficar com o ativo-objeto, mas podemos minimizar essa desvantagem utilizando estratégias para rentabilizar no próximo ciclo. Outra desvantagem é que a estratégia só é viável em cenários lateralizados, para cenários de alta ou baixa é recomendável a utilização de outras estratégias.

ALERTA:

O presente artigo não é recomendação de investimento e tem caráter educativo. Mesmo recebendo recursos na montagem a estratégia pode trazer prejuízo para o investidor em casos de desvalorização do ativo-objeto: perca de fundamentos, instabilidade econômica e política do país que pode afetar a empresa, causas da natureza não esperadas etc.

Portanto, para a montagem correta é necessário experiência, leitura do mercado, saber dosar o risco/retorno e etc. Outra coisa exigida em sua montagem é a margem em garantia que já citamos neste artigo.

CONCLUSÃO:

Big Lizard é uma estratégia de venda de volatilidade, tem ótima relação risco/retorno. Para obtermos o lucro máximo basta que o ativo-objeto fique estável em seu preço e mesmo que se valorize o lucro da operação continuará interessante.

É interessante também que se o investidor for exercido nas puts ele poderá optar pela rolagem dos exercícios das opções para assim evitar o prejuízo.

Estrategistas ficamos por aqui, mas temos um convite para quem ainda não conhece a Estratégia Xeque-Mate que vem entregando rentabilidade de maneira consistente para os nossos assinantes!!! Essa estratégia gera renda via operações com opções de forma conservadora, cliquem no link abaixo e descubra!

Link Xeque Mate

Na assinatura da Estratégia, você terá acesso a: relatórios semanais; monitoria ao vivo; grupo no Telegram; curso completo com 7 módulos; planilha de imposto de renda e suporte pelos 7 dias da semana. E o melhor: contarão com a experiência do Daniel Nigri, CEO do Dica de Hoje, e de Marcelo Meurer, especialista em opções.

E os benefícios não param por aqui! Assinando a Xeque-Mate vocês terão acesso gratuito a série Operações Estratégicas, são operações com estratégia em opções, já são 15 operações realizadas com 13 acertadas e um empate!

Abraços, até a próxima!

Estratégia Xeque Mate

Clique na pagina e veja os detalhes

Link Xeque Mate

Sigam-nos nas redes sociais:

Estratégia Xeque Mate

            @estrategiaxequemate

             Estratégia Xeque Mate

Marcelo Meurer

Marcelo Meurer é graduado em Direito pela UFJF e graduando em Engenharia de Software pela Estácio. É especialista em derivativos e possui experiência no mercado financeiro há mais de dez anos. Fundador da Estratégia Xeque Mate, uma refinada técnica geradora de renda constante e robusta por meio de operações estruturadas com ações e opções.