Insight Internacional: Você não deve esperar as eleições americanas para investir no exterior

0
10

Nos últimos meses, as perguntas que eu mais recebo disparadamente são: “Se o Biden ganhar, não vai ser ruim para as empresas?”, “Não é melhor esperar os resultados das eleições para investir lá fora?” e “As ações do exterior já subiram muito, não é melhor esperar cair?”

Eu sempre respondo dizendo que não, que, historicamente, o mercado sempre subiu no longo prazo, mesmo que o candidato eleito não seja o preferido do mercado.

Recentemente, a Charles Schwab fez uma pesquisa sobre o histórico do S&P 500 nos anos eleitorais e após as eleições e eu vou trazer o resultado delas aqui para vocês hoje.

Segundo a pesquisa, desde 1928, o S&P 500 terminou os anos eleitorais positivos em 17 dos 23 anos (74% dos anos) e com média de 7,1% de retorno anual.

Nos dois anos seguintes, o mercado também tende a subir, com média de retornos de 5,8% no primeiro ano e 4,5% no segundo. O ano com melhor desempenho é o terceiro, com retornos positivos em 82% das vezes e uma média anual de 13,7%.

Outro dado interessante, é que, historicamente, o mercado de ações tem uma performance muito melhor em um governo democrata, em comparação com um republicano (a imagem abaixo não conta o atual governo, já que ainda não teve fim).

É bom pontuar que essa estatística não conclui que esses retornos foram obtidos apenas devido ao governo, sendo ainda assim, um dado interessante que consegue espantar algumas teses e refutar perguntas de que apenas o governo democrata levaria a uma queda forte do mercado.

Outra estatística interessante é que, em geral, nos três meses que antecedem a eleição, se o S&P 500 crescer, o partido que está no cargo se reelege, e quando esse índice cai, o partido de oposição ganha. Com os dados atuais e se a estatística se mantivesse, Trump seria reeleito.

Fonte: Investing

 

Isso aconteceu em 87% das vezes e desde 1980 essa escrita se mantém.

Além de todas essas estatísticas expostas, para uma melhor análise dos retornos, um prazo mais aceitável seria a partir de 5 anos, e um mandato presidencial dura apenas 4. Portanto, um prazo pequeno se comparado ao nosso horizonte de investimento ideal.

Eu sei que é normal ficar se perguntando se hoje é uma boa hora de investir e querer imaginar se o mercado vai subir ou cair. Para isso, você pode começar investindo gradualmente, enquanto adquire uma maior confiança.

Particularmente, gasto minhas energias em coisas que eu consigo mudar, e as eleições é algo que nem eu e nem você, conseguimos modificar. Porém, o que podemos fazer é tomar uma melhor atitude quanto aos nossos investimentos, e alocar no exterior é uma ótima oportunidade de diversificação e proteção quanto a moeda e instabilidade política no Brasil.

No Dica internacional, temos todos os guias necessários para você começar a investir no exterior, assim como quatro carteiras recheadas de empresas e análises que nos permitem uma diversificação e possibilidade de nos beneficiarmos em quaisquer resultados das eleições.

Clique aqui e saiba mais como funciona.

Abraços e bons investimentos,

Raphael Rocha.

Dica Internacional

Não deixe de diversificar seus Investimentos.

Uma carteira de REITS e três de ações

Os detalhes estão na pagina abaixo.

Pagina com os detalhes