Resumo dos Resultados de Klabin

1
281
resumo-dos-resultados-de-klabin

resumo-dos-resultados-de-klabin

Resumo dos Resultados de Klabin

KLABIN (códigos Bovespa: KLBN3, KLBN4 e KLBN11)

RESUMÃO – Resultados 4T17:

(Data de divulgação: 01 de Fevereiro/2018)

(Dados retirados do site de RI)

 

Pontos POSITIVOS:

Volume de vendas:

O volume total de vendas, sem incluir madeira, durante o 4T17 atingiu 842 mil toneladas, bem próximo dos 843 mil toneladas do 3T17, porém 8% acima do 4T16, influenciado principalmente por crescimentos nos volumes vendidos de celulose. As vendas de celulose cresceram 3% na comparação com o 3T17.  Destacou-se mais uma vez, o crescimento de 4% em relação ao 4T16 no volume de vendas de produtos de conversão, impulsionado pelo bom momento da expedição brasileira de caixas, demandada pelos mercados produtores de alimentos e outros bens de consumo não duráveis.

 

No acumulado do ano o volume de vendas atingiu 3.220 mil toneladas, aumento de 22% em relação a 2016. Vale ressaltar no período o aumento de 70% nas vendas de celulose, decorrente do processo de ramp up da Unidade Puma ao longo de 2017.

Receita Líquida:

O crescimento do volume total de vendas, a melhora nos preços internacionais de produtos como celulose e kraftliner e a maior representatividade das vendas de produtos convertidos no mix de vendas de papéis impulsionaram o aumento da receita da Klabin na comparação com o mesmo período de 2016. A receita total de vendas no 4T17, incluindo madeira, foi de R$ 2.298 milhões, 17% acima do 4T16.

resumo-dos-resultados-de-klabin

 

Com maior volume vendido de celulose no trimestre e a subida de preços nos mercados globais, a receita de vendas de fibras curta, longa e fluff totalizou R$ 728 milhões de reais, 55% acima do 4T16 e 11% acima do 3T17.

Podemos observar que a Klabin atua de maneira bem equilibrada entre mercado interno e mercado externo, sendo as vendas de produtos de conversão focadas no mercado interno e as vendas de celulose focadas no mercado externo, e se olharmos o gráfico anterior de receitas, ambos os produtos tem pesos bem iguais (em porcentagens) em relação ao total de receita. Esta característica de atuação da Klabin lhe traz uma flexibilidade e capacidade de atuar em diferentes mercados e cenários econômicos.

Geração operacional de caixa (EBITDA):

O EBITDA no 4T17 foi de R$ 855 milhões, elevação de 31% na comparação com o 4T16, completando 26 trimestres consecutivos de crescimento. Devido a melhora da receita e disciplina de custos, a margem EBITDA atingiu 37% no período versus 33% no 4T16 e 34% no 3T17.

resumo-dos-resultados-de-klabin

 

Alavancagem (Dívida líquida / EBITDA):

Apesar da Klabin ter apresentado aumento no endividamento bruto e líquido no fim de 2017, o aumento de EBITDA verificado no período reforçou a trajetória de desalavancagem da Klabin, que fechou o período com relação dívida líquida / EBITDA ajustado em 4,1 vezes, redução de 0,3 vezes quando comparada ao valor do 3T17. Em relação ao final de 2016, essa queda foi de 1,1 vezes.

resumo-dos-resultados-de-klabin-03

Pontos NEGATIVOS:

– Custo dos produtos vendidos:

O custo dos produtos vendidos no trimestre foi de R$ 1.509 milhões, 6% acima do mesmo período do ano passado, explicado principalmente pelo maior volume de vendas de celulose.

 

– Endividamento:

O endividamento bruto em 31 de dezembro de 2017 era de R$ 19.550 milhões, aumento de R$ 702 milhões em relação ao observado no final do 3T17, explicado pelo efeito do aumento da taxa de câmbio sobre o endividamento em moeda estrangeira e por novas captações. Da dívida total, R$ 14.061 milhões, ou 72% (US$ 4.251 milhões) são denominados em dólar.

O endividamento líquido consolidado em 31 de dezembro de 2017 totalizou R$ 11.278 milhões, aumento de R$ 131 milhões em relação ao verificado no final do 3T17.

 

Resultado Financeiro:

As despesas financeiras foram de R$ 308 milhões no trimestre, redução de R$ 7 milhões em relação ao 3T17. Com a redução das taxas de juros no Brasil, as receitas financeiras atingiram R$ 105 milhões, R$ 44 milhões abaixo do observado no último trimestre. Desta forma, o resultado financeiro no período, excluídas as variações cambiais, foi negativo em R$ 202 milhões.

A taxa de câmbio encerrou o período 4% acima do patamar observado ao final de 3T17. Assim, pelo impacto na dívida em moeda estrangeira, as variações cambiais líquidas foram negativas em R$ 491 milhões no 4T17. É valido ressaltar que o efeito da variação cambial no balanço patrimonial da Companhia é contábil, sem efeito caixa significativo no curto prazo.

 

Prejuízo líquido:

No 4T17, a Klabin apresentou um prejuízo líquido de –R$ 83 milhões, revertendo um lucro obtido no 3T17 de R$ 390 milhões. Este prejuízo contábil foi ocasionado principalmente pelas variações cambiais líquidas que foram negativas em R$ 491 milhões, pelas despesas financeiras e pela redução nas receitas financeiras.

resumo-dos-resultados-de-klabin-04

 

Conclusão sobre os resultados:

Klabin terminou no 3T2016 a fábrica nova de celulose, denominada de Projeto Puma. A expansão até chegar a 100% da capacidade produtiva ocorreu apenas no 3T2017, e isso fez com que as vendas de celulose tivesse a alta que vimos anteriormente (70% de aumento nos volumes vendidos).

No entanto, para realizar esse investimento Klabin, precisou se endividar muito e cresceu muito sua dívida, principalmente em moeda estrangeira que hoje representa 72% da dívida total. Foi uma aposta de risco em um mercado com alta demanda, tanto que toda produção tem sido vendida.

Essa expansão fez a geração de Caixa Ebitda crescer, e o Fluxo de Caixa Livre ajustado dobrar de 2016 para 2017, porque teve também uma melhora na gestão do capital de giro e uma redução do nível de investimentos (CAPEX) e que deve continuar em 2018. Esses dados não foram apresentados aqui no resumo, mas estão na análise no relatório de hoje da Área de Membros Dica de Hoje.

No Klabin Day, a empresa deixou claro que pretende voltar a investir, agora em uma nova fábrica de cartões no segundo semestre de 2019. Até lá seria interessante que esse índice de endividamento, dívida líquida / Ebitda caísse para abaixo de 3. O que pode ser alcançado até mesmo mantendo a dívida líquida estacionada, e crescendo o Ebitda para R$ 3,8 bilhões para um período de 12 meses.

O que ficou claro é que Klabin, com dívidas em moeda estrangeira em 72% e receitas para o exterior de apenas 50%, o case não é mais uma proteção contra a alta do dólar, como ficou claro neste resumo. Com um aumento do dólar a empresa teve variação cambial negativa que gerou prejuízo, e as receitas em moeda estrangeira não foram suficientes para aumentar o lucro.

Confira também o resumo dos resultados de Fibria.

Além dessas existem muitas outras análises tanto em texto (relatórios) quanto em vídeos, assine já a área de membros Gold!

 

Para assinar o Plano Mensal: Clique aqui

Para assinar o Plano Anual com desconto anual de 32% !!

Pagando menos de R$1,00 por dia! Clique aqui

Novo curso de opções Dica de Hoje, clique aqui.

Abraços e Bons Investimentos!

Daniel Nigri (analista CNPI)

Com a ajuda de Leo Bittencourt

 

Disclosure

Elaborado pelo analista independente Daniel Isaac Nigri CNPI 1810, este relatório é de uso exclusivo de seu destinatário.

Este estudo é baseado em informações disponíveis ao público nos próprios sites de RI das empresas analisadas ou comparadas, consideradas confiáveis na data de publicação.

As opiniões, aqui expressas, estão sujeitas a mudanças, por se tratarem de estimativas baseadas em fundamentos e projeções de futuro que podem ou não ocorrer.

Este relatório não representa oferta de negociação de valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros.

As análises, informações e estratégias de investimento têm como único propósito fomentar o debate entre o analista responsável e os destinatários. Os destinatários devem, portanto, desenvolver as próprias análises e estratégias. (Caminhar com as próprias pernas e ter bom senso)

Informações adicionais sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros aqui abordados podem ser obtidas mediante solicitação, e serão arquivadas por 5 anos conforme determinação da CVM.

O analista responsável pela elaboração deste relatório declara, nos termos do artigo 17º da Instrução CVM nº 483/10, que as recomendações do relatório de análise refletem única e exclusivamente a sua opinião pessoal e foram elaboradas de forma independente.

O analista Daniel Isaac Nigri CNPI é o responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art. 16, parágrafo único da Instrução ICVM 483/10.

 

 

1 COMENTÁRIO

  1. que ação ruim… me arrependi quando investi nisso ano passado. passou da hora de esperar por resultados nessa joça.

Comments are closed.