Petrobras reporta prejuízo líquido de R$ 48,5 bilhões no 1T20

0
87

A Petrobras (PETR3; PETR4) teve prejuízo líquido de R$ 48,5 bilhões no primeiro trimestre de 2020, revertendo o lucro de R$ 4,031 bilhões apresentados no mesmo período do ano passado.

No release, a estatal disse que este prejuízo se deu pelo “impairment proveniente da revisão das premissas de longo prazo para o Brent frente ao novo cenário mundial”, no valor de R$ 65,3 bilhões.

“Nossos resultados também foram impactados pela queda do Brent e pelas perdas com variação cambial decorrentes da forte desvalorização do real frente ao dólar. Estes fatores foram atenuados por maiores volumes de exportação, maiores margens nos derivados, menores despesas, incluindo gastos gerais e administrativos, exploratórios e tributários, bem como ganhos com hedge”, explicou a Petrobras.

Impairment de R$ 65,3 bilhões

No primeiro trimestre, a Petrobras avaliou a recuperabilidade econômica de seus ativos e foram reconhecidas perdas por desvalorização (impairments) no montante de R$ 65,3 bilhões.

Este valor está dividido basicamente entre dois fatores: (i) efeito de um novo conjunto de premissas de planejamento sobre o valor recuperável de diversos campos do E&P (R$ 57,619 bilhões milhões), principalmente em Roncador, Marlim Sul, Polo Norte, Albacora Leste, Polo Berbigão-Sururu, Polo CVIT e Mexilhão; e (ii) hibernação de campos e plataformas em águas rasas (R$ 6,625 bilhões), afetando os Polos Norte, Ceará-Mar e Ubarana e os campos de Caioba, Guaricema e Camorim.

O impairment dos campos de águas rasas corresponde a 100% no valor de livro desses ativos, os quais tinham a uma produção média de 23Mbpd, disse a empresa.

Fonte: Finance News/ Informoney

Você conhece os nossos planos de assinaturas?

Veja todas as possibilidades de planos e escolha de acordo com seu perfil

Clique e conheça a página dos planos e possibilidades

Já participa do nosso grupo do Telegram?

Videos, informações e novidades vem aí.

Link do grupo